Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos ; * lido por mais de DEZ países, * mais de DEZ MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

quarta-feira, 29 de outubro de 2014

BMW i3 faz por merecer a liderança em vendas

Visitei, neste terça-feira (28/10) o stand de exposição da BMW na Universidade de Coimbra, Portugal, durante o evento internacional VPPC2014. Daí, testei o elétrico i3 da BMW.

O carro começa a agradar logo no primeiro contato visual. Desenho arrojado, com frente alta e imponente, janelas traseiras rebaixadas e traseira com recorte sutil e elegante. O i3 tem interior espaçoso tanto para o motorista e carona, quanto para os ocupantes do banco traseiro. O espaço do porta malas pode ser ampliado, graças ao sistema de rebatimento dos bancos bipartidos traseiros, dando uma incrível amplitude para transportar volumes maiores e irregulares.

Acomodado no confortável banco do motorista, basta apertar um botão ao volante para ligar o carro. Daí, um painel irá indicar o modo de direção (econômico, arrojado e normal). Isso é importante para o motorista avaliar o consumo da bateria (o equipamento memoriza o estilo de condução). Na opção econômico, por exemplo, a velocidade máxima é reduzida para, aproximadamente, 90 quilômetros e o ar condicionado é desligado. Essa escolha amplia a autonomia do veículo, reduzindo a possibilidade de ficar sem carga antes do destino final.

A BMW deixa claro que o elétrico i3 é um carro urbano, mas engana-se quem pensa que ele é apenas para os percursos das grandes cidades. No test drive peguei um trecho da rodovia em Coimbra, e assim que acessei a estrada o Luis, que me orientava sobre o uso do i3, recomendou-me acelerar. Como eu já estava mesmo com vontade de testar o torque do carro, não pensei duas vezes e pisei fundo no acelerador. O i3 respondeu, instantaneamente, o ponteiro de velocidade sobe rapidíssimo e o silêncio é incrível. Você pode conversar ou ouvir o música, por exemplo, sem ser incomodado.

Uma outra vantagem do elétrico i3, logo percebida pelo condutor, é a rápida desaceleração do carro, quando se tira o pé do acelerador. Além de mais segurança, economiza-se com a manutenção dos freios. Em síntese: se você aprecia automóvel, eu recomendo fortemente testar o i3. Faça isso e garanto que você ficará encantado com o seu desempenho, dirigibilidade e conforto.  Há coisas na vida que explicar não é o bastante, é preciso viver a situação. Deixar o carro a gasolina e entrar no i3, é como sair de um veículo a carburador e entrar em outro com injeção eletrônica. É incrível, mas só quem já experimentou pode avaliar.
 
E a BMW é uma empresa que pensa em tudo. O i3 não é líder de vendas em Portugal por mero acaso. Ela tem política comercial alinhada com as expectativas do consumidor.  Naturalmente, uma das preocupações de quem adquire carro elétrico é saber o que fazer com ele dois anos após a compra. Quanto ele valerá? Como será a aceitação do usado pelo mercado? Haverá liquidez ou será “casamente” para vida toda? Se você está comprando um BMW i3, esqueça este tipo de preocupação.
O fabricante criou o sistema BMW Select em que você pode "devolver o seu BMW, prolongar o contrato de financiamento ou comprar o veículo? O BMW Select oferece-lhe toda a liberdade de um contrato de financiamento flexível, que combina as vantagens do crédito e do leasing. Tal como no leasing, paga apenas o período de utilização. Decida qual o montante do pagamento final e, desta forma, determine a duração e condições do seu contrato.

No fim do contrato, dispõe de três opções:
− Opção 1: devolve-nos o seu BMW de acordo com as condições estabelecidas no contrato, em troca de um novo BMW.
− Opção 2: prolonga o seu contrato e continua a financiar a sua compra através da BMW Financial Services.
− Opção 3: como o seu veículo ainda se encontra em bom estado, gostaria de comprá-lo. Depois de efetuar o pagamento final, o BMW é seu." 

Assim, daqui a um ou dois anos “se você desejar trocar ou desfazer do carro, bastará comparecer a um concessionário BMW que ele estará pronto a servir”, revelou Paulo Ribeiro, coordenador nacional do projeto i/vendas da Caetano Baviera, Portugal.”

Um outro diferencial fácil de ser percebido é o treinamento da equipe BMW. Você se aproxima do stand de exposição e é prontamente atendido. O consultor que me acompanhou no test drive, revelou ser um profissional bem preparado, pois além de dominar conhecimentos técnicos do carro, soube aproveitar muito bem o percurso para revelar os pontos fortes e “vender” o i3.

Publicado em Verdesobrerodas
Fonte: VSR




Nenhum comentário:

Postar um comentário