Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos ; * lido por mais de DEZ países, * mais de DEZ MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

quinta-feira, 27 de julho de 2017

MINI elétrico puro chegará em dois anos

A MINI, tradicionalíssima marca britânica sob o controle da BMW, anunciou que também vai seguir os passos de sua marca-mãe e se converter para o lado elétrico da força em 2019, quando lançará um modelo movido 100% a eletricidade. O carro será produzido na planta da companhia em Oxford, no Reino Unido.

O carro será uma versão elétrica do modelo mais convencional da marca, o Cooper, com um conjunto de propulsão elétrico importado da Alemanha.

Faraday Future foi flagrada testando o elétrico FF 91

A Faraday Future está comprometida em colocar seu elétrico FF 91 nas ruas, mesmo quando absolutamente tudo indica que isso está cada vez mais difícil. Depois de ter colocado o protótipo do carro para participar no Pikes Peak, a marca foi flagrada testando o veículo na rua.

Emme Hall, do site Roadshow, gravou o modelo andando pelas ruas da Califórnia. Com a carroceria e rodas pretas, não se sabe se essa versão é a mesma que participou da conexão há algumas semanas.

Falta de infraestrutura dificulta venda do Mirai nos EUA

A Toyota está enfrentando um problema com as vendas do Mirai nos Estados Unidos: o veículo, que é movido graças a uma célula de hidrogênio no lugar de eletricidade, não está vendendo tão bem – e o motivo também pode ser relacionado aos veículos elétricos: falta de infraestrutura.

O problema é mais sério na porção leste do país, onde não existem estações de reabastecimento de hidrogênio, mesmo com a intenção da Toyota em expandir a rede em 12 unidades – e que acabaram se tornando apenas quatro até o fim do ano, sendo que apenas duas estão em construção. Com isso, a marca ainda não consegue disponibilizar o veículo em estados como Nova York e Massachusetts.

Índia quer proibir a entrada de carros autônomos

O governo da Índia quer proibir a entrada de carros autônomos no país. O objetivo é preservar o emprego no país, que tem um grande número de desempregados. Por ano, a Índia perde em média 22 mil motoristas, necessários para atuação no transporte de passageiros.

Para a Índia, tecnologias que tiram o emprego das pessoas – em um país onde o desemprego é alto – precisam ser impedidos. A fim de resolver a queda no número de motoristas, o governo pretende abrir 100 centros de formação de condutores, que deve acrescentar anualmente 5 mil profissionais ao mercado de trabalho.

Mercado de veículos elétricos atrai investimentos bilionários

Recentemente, uma pesquisa da Bloomberg New Energy Finance (BNEF) apontou que, com a contínua redução dos preços das baterias, os veículos elétricos e híbridos deverão se tornar, até 2025, uma opção mais econômica na maioria dos países, até mesmo do que os modelos a gasolina ou diesel.

O crescimento do mercado global de veículos elétricos demanda todo uma estrutura de suporte viário e doméstico à altura.

Mercedes-Benz estará na Fórmula E de 2019

A Mercedes-Benz anunciou que em 2019 juntar-se-a à Fórmula E, o campeonato de corridas dedicado a carros elétricos que atesta ao compromisso da marca alemã no mercado dos veículos elétricos.

“No desporto automóvel, como em outras áreas, queremos ser o ‘benchmark’ no segmento premium e também explorar projetos novos e inovadores.

Reino Unido proibirá vendas de carros a gasolina e diesel

O Reino Unido quer proibir a venda de veículos novos movidos a gasolina ou diesel a partir de 2040, como parte de um plano para tirar todos estes carros das ruas até 2050, segundo afirmou o ministro do meio ambiente Michael Gove nesta quarta-feira (26). 

De acordo com a agência Reuters, Gove fez o anúncio em uma entrevista à rede BBC. Um documento do Partido Conservador prevê as medidas para banir os carros a gasolina ou diesel das ruas. Ele também confirmou a proibição das vendas em 2040. 

quarta-feira, 26 de julho de 2017

Toyota adotará bateria mais eficiente para seus carros elétricos

Não deixa de ser algo irônico que seja a Toyota a anunciar a comercialização baterias de estado sólido para veículos elétricos, já no início da próxima década. A marca japonesa esteve sempre reticente em avançar para os veículos 100% elétricos a baterias. Até recentemente a Toyota defendeu a via dos híbridos e dos fuel-cell como o caminho para o futuro do automóvel.

Itaipu inaugura mais um eletroposto de Compartilhamento Inteligente

O Sistema de Compartilhamento Inteligente (SCI) de veículos elétricos ganhou mais um posto na manhã desta segunda-feira (24) – desta vez, na Divisão de Transportes (SGST.AD), com vagas para quatro VEs do modelo Twizy. Com ele, somam-se agora quatro postos de compartilhamento em toda a Itaipu. Até o fim do ano, o objetivo é dobrar este número, cobrindo, assim, toda a área da Central Hidrelétrica.


Mitsubishi produz caminhão elétrico em Portugal

Arranca esta quinta-feira, 27 de julho, a produção em série do primeiro veículo de mercadorias elétrico da Mitsubishi Fuso Truck Europe. A primeira unidade Fuso eCanter sairá da fábrica da marca nipônica instalada no Tramagal, concelho de Abrantes, no dia em que irá ser realizada a visita do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, de acordo com o convite enviado à imprensa.