Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos se somadas as mídias sociais, * mais de MEIO MILHÃO de acessos somente no VSR, * lido por mais de DEZ países, * mais de SETE MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

sábado, 29 de abril de 2017

Bicicleta elétrica é benéfica também para a saúde

Você certamente já ouviu falar dos benefícios da bicicleta para a saúde, trânsito e meio ambiente. Ainda assim, pensa duas vezes antes de sair pedalando por causa das subidas e ladeiras em sua cidade? Com uma bicicleta elétrica você cumpre as atividades físicas com a ajuda de um motor para ir mais longe, mantendo a praticidade de evitar o uso de automóveis e adotando um meio ecológico de se locomover.

A I-VTEC, em sua versão com motor elétrico de 350 watts, possui autonomia de até 35 quilômetros, tem velocidade de até 25 quilômetros por hora e traz um impacto quase imperceptível na conta de luz: aproximadamente R$ 5 por mês recarregando a bicicleta com uma média de uma vez a cada dois dias. Com a bateria zerada, uma recarga leva apenas três horas e pode ser feita na tomada.

Bike elétrica facilita a vida do ciclista em pista montanhosa

Uma corrida pelo relevo montanhoso da cidade de Monterey, na Califórnia, revelou que os avanços tecnológicos não vão deixar ninguém de fora, nem mesmo as sólidas mountain bikes que levam ciclistas pelos mais diversos altos e baixos das pistas mais inóspitas. 

Utilizando tecnologia de ponta, baterias e motores elétricos facilitam a vida de quem se aventura com as bicicletas subindo e descendo pilhas de terra e pedregulho.

VW quer que maior parte do investimento seja em eletropostos

A Volkswagen terá de gastar US$ 800 milhões em programas de veículos ecológicos na Califórnia, como parte do acordo com a justiça americana no caso do Dieselgate. A montadora alemã já sinalizou que a maior parte do dinheiro vai para construção de pontos de recarga para carros elétricos.

Porém, alguns rivais querem aproveitar a oportunidade para reverter uma promessa do governo californiano, referente aos postos de abastecimento de hidrogênio. 

Modelo elétrico da Lucid Motors será autônomo já em 2019

Tal como a Tesla, a Lucid vai entrar no mercado automóvel com um modelo elétrico de luxo, já tendo experiência no desenvolvimento e produção de motores elétricos. O Lucid Air chega em 2019 e já vai ser capaz de atingir o nível 3 de autonomia e estar preparado para ser evoluído para nível 4, ou seja, no futuro próximo o condutor vai poder retirar as mãos do volante, tirar os olhos e deixar o carro fazer todo o trabalho relacionado com a condução.



sexta-feira, 28 de abril de 2017

Nova política do governo chinês deverá acelerar vendas de VEs

Na China, o mercado de carros elétricos já é o maior do mundo, mas uma nova proposta governamental de introdução de quotas para as construtoras de veículos de “nova energia” está a acelerar ainda mais o mercado. Em Portugal, este está também em expansão, com as vendas a subirem a alta velocidade.

Salão de Xangai mostra aposta da China em modelos eletrificados

É evidente que a China e os carros elétricos estarão conectados durante os próximos anos. No Salão de Xangai 2017 foi ratificada a importante aposta que tanto fabricantes locais como estrangeiros estão fazendo no veículo totalmente elétrico naquele país. A quantidade de potenciais clientes é enorme, algo que, unido a outros fatores, tornam a China um mercado excepcional para o veículo elétrico.

Mini continua sua aposta em modelos eletrificados

Já era sabido que a Mini iria ter no seu catálogo um modelo elétrico. Até há bem pouco tempo, não era claro se o novo modelo iria ser mais que um veículo de nicho. E os veículos elétricos não são propriamente estranhos à marca.

Em 2009 a marca lançou o Mini E, totalmente elétrico, disponível de forma muito limitada. 

BMW 530e com motor elétrico faz de 0-100 km/h em 6,2s

O 530e iPerformance está equipado com um motor elétrico que debita 113 CV e 250 Nm de binário, ligado a um bloco térmico com 2.0 litros com 184 CV e 20 Nm de binário. Contas feitas, a potência combinada é de 252 CV e o binário de 420 Nm. Com estas cifras, o 530e chega dos 0-100 km/h em 6,2 segundos com uma velocidade máxima de 235 km/h. O consumo homologado é de apenas 1,9 l/100 km com emissões de CO2 de somente 44 gr/km.

Renault diz que Zoe E-Sport Concept supera carros da Fórmula E

A Renault está chamando a atenção com um comunicado feito pelas redes sociais. A marca francesa anuncia que o Zoe E-Sport Concept é mais rápido de 0 a 100 km/h que um carro de Fórmula E, famosa categoria de monopostos elétricos que disputam provas em várias cidades do mundo.

Segundo a empresa, o Renault Zoe E-Sport Concept precisa de 3,2 segundos para ir da imobilidade até 100 km/h.

Meta da China é 2 milhões carros eletrificados nas ruas até 2020

A China quer alcançar a meta de 35 milhões de veículos vendidos ao ano em 2025. Isso não parece difícil de ser conquistado, já que em 2016, 28 milhões foram emplacados no maior mercado do mundo, em volume.

Graças à urbanização da China e aumento das vendas de montadoras locais no exterior, deve impulsionar os emplacamentos em 25% nos próximos anos. Porém, o governo central quer ampliar mais o percentual de carros elétricos e híbridos, que até 2020 alcançarão 2 milhões de unidades/ano.