Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos ; * lido por mais de DEZ países, * mais de DEZ MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

sexta-feira, 27 de setembro de 2019

Novo Peugeot 208 chegará em versão elétrica


Num segmento onde a Peugeot tem pergaminhos históricos – e o de maior volume em Portugal –, o novo 208 é um modelo da maior relevância e representa uma nova fase na estratégia de afirmação da marca, que se pretende afirmar como a “melhor marca automóvel generalista”. 
Um desafio ambicioso, mas para o qual se lança com confiança, assente pelo fato de ter um visual mais agressivo e uma plataforma multi-energia que se perfila como de elevada competência para albergar diferentes motorizações. 

Como os responsáveis da Peugeot nos afirmaram recentemente, diferentes versões para que vão ao encontro das diferentes necessidades dos seus clientes. Aliás, sobre essa mesma premissa, o novo 208 assume a transição energética como uma oportunidade real e estará disponível, logo desde o lançamento (em novembro), com três energias possíveis: eletricidade, gasolina ou diesel.

A gama nacional do novo 208 distribui-se por cinco níveis de equipamento, quatro motores de combustão interna (respeitadores das normas Euro 6.d) e o elétrico e-208.

No acesso ao novo 208 passa a haver uma nova versão denominada Like, disponível apenas com os motores térmicos 1.2 PureTech 75 CV CVM5 e 1.5 BlueHDi 100 CV CVM6. O primeiro terá um custo de 16.700€ e o segundo um valor de 21.650€.

No centro da gama estarão as já conhecidas versões Active, Allure e GT Line, divididas por três variantes do bloco PureTech de 1.2 litros (75 CV CMV5, 100 CV CMV6 ou EAT8 e 130 CV EAT8), Diesel 1.5 BlueHDi (100 CV CVM6) e EV de 100 kW (136 CV). Para esta mesma motorização fica reservada, em exclusivo, o nível de equipamento GT, que a marca justifica com o seu comportamento dinâmico e potência elevada.

O 208 torna-se assim no primeiro modelo da marca a disponibilizar uma versão elétrica com uma bateria de 50 kWh, alimentando um motor com potência de 100 kW (136 CV) e um binário de 260 Nm (disponíveis de modo instantâneo).

O novo 208 inicia a via da condução semiautônoma, integrando todos os sistemas presentes no 508, à exceção do ‘night vision’. 

Na lista de 11 equipamentos de assistência à condução incluem-se os de ajuda à manutenção na faixa de rodagem, travagem automática de emergência com detecção de pedestres e ciclistas, alerta de risco de colisão, reconhecimento alargado de sinais de trânsito, regulador de velocidade adaptativo com função Stop & Go, full park assist, alerta de atenção do condutor e freios de estacionamento elétrico.

VerdeSobreRodas, o ponto de encontro com a mobilidade sustentável

PostagemNovo Peugeot 208 chegará em versão elétrica

Publicado no Verdesobrerodas



Por Motor 24 conteúdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário