Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos ; * lido por mais de DEZ países, * mais de DEZ MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

quarta-feira, 4 de setembro de 2019

Local Motors tem desenvolvido veículos elétricos em impressora 3D


Desde 2007, a startup Local Motors tem se dedicado a desenvolver veículos elétricos impressos em 3D. Em 2016, a empresa, com sede em Phoenix, criou o Strati, primeiro carro produzido dessa forma. A impressão tridimensional do automóvel, com exceção de peças como motor, rodas e assentos, foi realizada durante uma conferência nos Estados Unidos e durou 44 horas. 

Pouco tempo depois a empresa criou o Olli, ônibus elétrico também produzido em impressora 3D. O veículo estreou em 2016 em Maryland, nos Estados Unidos. Neste ano, a empresa apresentou uma versão atualizada de sua criação — o Olli 2.0.

O ônibus é autônomo, tem uma autonomia de 160 km e pode transportar até dez pessoas. Além disso, é equipado com um computador de bordo, sensores 360º e com o sistema IBM Watson IoT, que analisa dados em tempo real para interagir com os pilotos e fazer escolhas durante o trajeto. O veículo pode ser carregado em menos de 2 horas.

No interior, os passageiros têm acesso a telas sensíveis ao toque que podem transmitir conteúdos em realidade aumentada e virtual. O ônibus também é integrado ao IBM Watson e Amazon Lex, permitindo que empresas criem seus próprios sistemas de interação com clientes.

Segundo a Local Motors, o Olli 2.0 pode ser personalizado de diversas formas. No caso de um hospital, por exemplo, alguns bancos podem ser removidos para o transporte de pacientes. 

O objetivo da Local Motors é implantar o Olli 2.0 em cidades, vilas e municípios para resolver problemas de congestionamento, poluição e acessibilidade. Para isso, a empresa criou um aplicativo que se conecta ao veículo. Por meio dele, os usuários podem se registrar, reservar uma viagem com o Olli mais próximo e pagar pelo serviço.

Hoje, a versão 1.0 do veículo já está circulando em nove pontos, como na Base Conjunta das Forças Armadas dos Estados Unidos, em Arlington, e no White Rock Corporate Campus, parque empresarial em Rancho Cordova, na Califórnia. Em todos os locais, os veículos estão sendo guiados por um motorista de apoio. Por enquanto, a startup está coletando dados para entender a reação do público e como o ônibus tem ajudado no alívio de congestionamentos.

O Olli 2.0 começou a ser produzido em julho e as entregas começarão no quarto trimestre deste ano. Enquanto isso, a primeira versão será implantada em outros três locais não divulgados pela Local Motors. A produção do Olli 1.0 será reduza nos próximos meses à medida em que os pedidos de clientes forem concluídos.

VerdeSobreRodas, o ponto de encontro com a mobilidade sustentável


PostagemLocal Motors tem desenvolvido veículos elétricos em impressora 3D

Publicado no Verdesobrerodas



Por Startse conteúdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário