Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos ; * lido por mais de DEZ países, * mais de DEZ MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

quinta-feira, 15 de agosto de 2019

Família de eletrificado cresce na Porsche


Porsche continua ficada na mobilidade elétrica e a sua gama de veículos híbridos ganha agora um novo reforço com a chegada do Cayenne Turbo S E-Hybrid e o Cayenne Turbo S E-Hybrid Coupé.

Como todos os Porsche híbridos plug-in, o novo topo de gama da família Cayenne é também um dos veículos mais desportivos no segmento premium – sobretudo graças ao seu conjunto híbrido.

Conjuntamente com os dois modelos de topo, a gama híbrida da Porsche inclui agora também o novo Cayenne E-Hybrid Coupé com uma potência combinada de 340 kW (462 cv), binário de 700 Nm, e autonomia elétrica até 37 quilômetros. O Cayenne E-Hybrid, inclui agora um filtro de partículas de gasolina, volta a estar disponível para encomenda.

Nos modelos Cayenne Turbo S E-Hybrid, extraem a sua potência combinada de 500 kW (680 cv) a partir da interação de um motor V8 de quatro litros (404 kW/550 cv) com um motor elétrico integrado na transmissão Tiptronic S de oito velocidades (100 kW/136 cv) e um  binário máximo combinado de 900 Nm está disponível desde o ralenti.

Os dois modelos aceleram dos 0 aos 100 km/h em 3,8 segundos e alcançam uma velocidade máxima de 295 km/h. Esta performance permite ao Cayenne Turbo S E-Hybrid e Turbo S E-Hybrid Coupé percorrer até 32 quilômetros com zero emissões locais.Os dois motores estão interligados por uma embraiagem colocada dentro do módulo híbrido, referida como Electric Clutch Actuator (ECA). No modo de condução E-Power, o motor elétrico pode, por si só, propulsionar o veículo até uma velocidade máxima de 135 km/h.

Para além disso pode ser também utilizado noutros modos para um impulso de potência adicional. Estes modos podem ser selecionados através do Pacote Sport Chrono (Hybrid Auto, Sport e Sport Plus), oferecido de série. A Porsche extraiu a estratégia de impulso adicional do seu superdesportivo, o 918 Spyder.

A bateria de iões de lítio está instalada sob o piso da bagageira e tem uma capacidade de 14,1 kWh. A bateria de alta voltagem pode ser totalmente carregada em 2,4 horas com o carregador de bordo, de série, com 7.2 kW ligado a uma tomada de 400 volts e 16 amperes. O processo de carga leva seis horas quando realizado a partir de uma tomada doméstica convencional com 230 volts e 10 amperes. O carregamento pode também ser agendado a partir do Porsche Communication Management (PCM) ou da app Porsche Connect para smartphones e Apple Watch.

O Cayenne Turbo S E-Hybrid e o Cayenne Turbo S E-Hybrid Coupé vêm com equipamento de fábrica alargado, de série: as funcionalidades incluem o sistema elétrico de estabilização Porsche Dynamic Chassis Control (PDCC), bloqueio do diferencial traseiro Porsche Torque Vectoring Plus (PTV Plus), sistema de travagem de alta performance Porsche Ceramic Composite Brake (PCCB), jantes de 21” Aero Design incluindo extensões das cavas das rodas na cor da carroceria, Direção assistida Plus, e Pacote Sport Chrono.


As diferentes versões híbridas do Cayenne já estão disponíveis para encomenda e os preços destes novos modelos começam nos 99.233 euros para o Cayenne E-Hybrid e 103.662 euros para o Cayenne E-Hybrid Coupé – incluindo impostos em vigor. Já o Cayenne Turbo S E-Hybrid está disponível a partir de 184.452 euros, e o Cayenne Turbo S E-Hybrid Coupé começa nos 188.265 euros.

VerdeSobreRodas, o ponto de encontro com a mobilidade sustentável

PostagemFamília de eletrificado cresce na Porsche

Publicado no Verdesobrerodas



Por AutoPortal conteúdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário