Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos ; * lido por mais de DEZ países, * mais de DEZ MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

terça-feira, 20 de agosto de 2019

Empresa brasileira anuncia carro elétrico com 200 km de autonomia


A empresa brasileira Gaia Electric Motors anunciou um carro elétrico com 200 km de autonomia. Mas o mais importante é o custo para fazer estes 200 km.

A empresa estima que a recarga da sua bateria custa 8 reais ou seja 1,79€ de energia elétrica (o que faz com que este veículo seja 20 vezes mais eficiente do que um carro a gasolina).

A empresa Gaia Electric Motors afirma ainda que são precisas 8 horas para que a bateria fique totalmente carregada. 

O carro elétrico, que se chama Gaia tem apenas três rodas e para o conduzir é necessário ter carta de motociclos. A venda para consumidores não está fora de hipótese, mas ainda não tem data para acontecer, pois o foco de vendas do veículo é para o mercado corporativo.

O Gaia não tem chave e o desbloqueio é feito através de smartphone, graças a um chip de internet móvel, o Gaia está sempre conectado e pode ser utilizado por empresas para criar um serviço transporte com carros elétricos.

O objetivo é ir atrás de mercados onde aplicações de transporte individual, como Uber e Cabify, não tenham motoristas suficientes para suprir as necessidades da população.

A empresa Gaia não dá informações quanto ao preço exato do produto, diz apenas que ele custa cerca de 80 mil reais (18000€), um preço bastante baixo se compararmos com os carros 100% elétricos vendidos no Brasil, como o Chevrolet Bolt, Nissan Leaf, Jac E40 e o Renault Zoe, que custam cerca de 130 a 180 mil reais.

VerdeSobreRodas, o ponto de encontro com a mobilidade sustentável

PostagemEmpresa brasileira anuncia carro elétrico com 200 km de autonomia

Publicado no Verdesobrerodas



Por Portal Energias Renováveis conteúdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário