Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos ; * lido por mais de DEZ países, * mais de DEZ MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

sábado, 18 de maio de 2019

Veículo elétrico permite intervenção em local de risco elevado


Uma viatura desenvolvida pela empresa Jacinto, de Esmoriz, Ovar, ganhou pela terceira vez o ‘Prémio de Inovação’ atribuído na Segurex, a principal feira de segurança e proteção em Portugal, onde foi apresentada em estreia mundial.

Depois das distinções atribuídas em 2011 e 2015, o galardão da edição de 2019 recaiu no ‘Eco Camões’, o carro de combate a incêndios comandado à distância através de painel remoto, eléctrico (300 quilômetros de autonomia) e que permitirá intervenções em cenários de risco elevado para os bombeiros.

Com quatro horas de bomba contínua, a viatura já em fase de produção tem capacidade para 10.000 litros de de água e 1.200 litros de espuma, circulando em tração integral 6×6.
O projeto foi desenvolvido na Jacinto com a participação do Instituto Politécnico de Leira na área de software e do Laboratório de Tecnologia Automóvel, ao nível de certificação. A empresa, que faz montagem de veículos de combate a incêndio e outras viaturas especiais, beneficiou de um apoio do Portugal 2020 através de uma candidatura de 1,6 milhões de euros. 

O veículo, que custa entre 800 a 900 mil euros, de caraterísticas únicas no mundo, será levado em 2020 à INTERSCHUTZ, na Alemanha, a maior feira do mundo de carros de incêndio e segurança. A Jacinto tem 130 colaboradores e um volume de negócios de 25 milhões de euros, exportando mais de 70 por cento dos veículos que produz para de 28 países.

VerdeSobreRodas, o ponto de encontro com a mobilidade sustentável

PostagemVeículo elétrico permite intervenção em local de risco elevado 

Publicado no Verdesobrerodas



Por Notícias de Aveiro conteúdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário