Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos ; * lido por mais de DEZ países, * mais de DEZ MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

quarta-feira, 29 de maio de 2019

Brasil terá 50 eletropostos até o final do ano


Até o fim de 2019, serão 150 postos de recarga em todo o Brasil para acompanhar aumento da oferta de produtos eletrificados.

Os carros elétricos e híbridos do tipo plug-in começam a ganhar mais mercado no mercado brasileiro. Acompanhando este crescimento, o BMW Group Brasil contribui de modo bastante significativo para ajudar na criação da infra-estrutura para atender esta nova frota de carros eletrificados.

Como parte de sua estratégia global chamada de Number ONE>NEXT, o BMW Group Brasil confirma a instalação de 40 novos pontos de recarga até o fim do ano. A iniciativa se dará por novos projetos da empresa, incluindo as marcas BMW e MINI, além de outras iniciativas por meio de diversas parcerias.

"Após conectar as maiores cidades do Brasil com carregadores entre Rio e São Paulo, queremos seguir na liderança para implementar infraestrutura de assistência a modelos eletrificados MINI e BMW, e de outras marcas comercializados no país", declara Gleide Souza, Diretora de Assuntos Governamentais do BMW Group Brasil.

Atualmente, são 110 postos de recarga distribuídos em todo o território nacional por meio de iniciativas próprias e parcerias com grandes empresas, entre elas Multiplan, Iguatemi, Grupo Pão de Açúcar e Ipiranga. Dentre estes pontos, está o corredor elétrico Rio-São Paulo, uma iniciativa BMW Group Brasil e EDP (empresa do setor elétrico), que possibilita uma viagem zero emissões entre as duas maiores cidades do Brasil.

Pelas contas da BMW e da EDP, o proprietário de um carro elétrico gasta muito menos do que um carro a combustão pagaria para rodar pelo mesmo trecho. Ou seja, R$ 200 em combustível sairia por R$ 50 em energia elétrica. No posto de recarga rápida, o objetivo é possibilitar recarregar 80% da carga em 25 minutos (em uma bateria base de 22 kWh).

VerdeSobreRodas, o ponto de encontro com a mobilidade sustentável

PostagemBrasil terá 50 eletropostos até o final do ano

Publicado no Verdesobrerodas



Por Motor1 conteúdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário