Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos ; * lido por mais de DEZ países, * mais de DEZ MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

quinta-feira, 25 de abril de 2019

Versão elétrica do Peugeot 208 conquista o interesse do consumidor


De acordo com o site argentino Autoblog, o Novo Peugeot 208 chegará ao mercado regional com motor Puretech, que hoje só se encontra em sua versão aspirada com 84 cavalos na gasolina e 90 cavalos no etanol, disponível na versão brasileira, enquanto o país vizinho usa a versão a gasolina com 82 cavalos.

Além desse propulsor de três cilindros, o Novo 208 deverá chegar também com a versão turbinada, que tem injeção direta de combustível e entrega 130 cavalos com 20,4 kgfm.
De acordo com a fonte do site, o câmbio será automático, assim como opção na versão intermediária, que manterá o 1.6 16V EC5M de 115 cavalos na gasolina.

Aqui, este propulsor dispõe ainda de 118 cavalos no etanol, tendo torque único de 16 kgfm. O 1.2 oferece 12,2/13,0 kgfm, respectivamente, tendo apenas câmbio manual. Por lá, ainda se espera por versão elétrica, diesel e GTi, está com prováveis 200 cavalos, mas devendo ser importado da Europa.

O Novo Peugeot 208 é feito sobre a plataforma modular CMP e já foi mostrado na Europa, onde a versão elétrica tem 75% das reservas. Por ora, não se sabe até que ponto a PSA está disposta a investir nessa configuração aqui. Esta opção tem motor elétrico de 136 cavalos e 26,5 kgfm, além de baterias de lítio com autonomia de 340 km no ciclo WLTP.

Os carros elétricos ainda são bem caros e um investimento agora pode não compensar, nem para o fabricante e muito menos para o consumidor. A produção será em El Palomar, que recebeu milhões de dólares em investimento para modernizar a linha de montagem.

O próximo Peugeot 2008, que compartilha estilo e plataforma com o Novo 208, também será feito nas proximidades de Buenos Aires. A pré-produção ainda não começou e os carros de testes são todos fabricados na França. Provavelmente o novo e o velho conviverão algum tempo no mercado nacional, algo que talvez se repita no caso do 2008, pois, o próximo parece maior.

VerdeSobreRodas, o ponto de encontro com a mobilidade sustentável


PostagemVersão elétrica do Peugeot 208 conquista o interesse do consumidor

Publicado no Verdesobrerodas



Por Noticias Automotivas conteúdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário