Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos ; * lido por mais de DEZ países, * mais de DEZ MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

segunda-feira, 29 de abril de 2019

Suíça adaptou uma frota de veículos Tesla Model X para a polícia


Os táxis são grandes clientes da Tesla e estão a operar um pouco por toda a Europa. No entanto, há já países a optar por estes veículos elétricos para as forças policiais. Desta forma, a Suíça converteu uma frota de veículos Tesla Model X em unidades de patrulha da polícia. Em breve as suas estradas terão carros rápidos, econômicos e com muita tecnologia de vigilância ao serviço das forças de polícia.

Poderá ser questionado o valor de cerca de 100 mil euros por carro ao serviço da autoridade rodoviária da Suíça. Na verdade, o departamento de polícia de Basileia refere que está a adquirir o Model X para poupar muito dinheiro. Conforme foi informado em dezembro, estava pensada a substituição de 7 viaturas a diesel por 7 Model X 100D.

Segundo as informações do departamento daquela unidade policial, cada carro irá custar 49.000 francos a mais do que um convencional veículo a diesel. No entanto, feitas as contas, os veículos da Tesla irão trazer a longo prazo “custos significativamente menores de operação, manutenção e maior valor de revenda”.

Foi em dezembro passado que a unidade policial de Basileia começou a receber as primeiras unidades para serem adaptados com equipamento de operação das brigadas. Meses depois, o departamento ainda não tinha começado a usar os veículos de patrulha da Tesla devido a algumas preocupações sobre a segurança de dados da empresa de Elon Musk.

Havia a desconfiança que a Tesla poderia “vigiar” a localização dos veículos e até registar tudo o que era dito dentro dos veículos. Poderia haver, sobretudo, um problema de privacidade necessária como parte fundamental do seu trabalho operacional.

A Tesla permite que os proprietários desativem a monitorização de localização e, embora a empresa tenha recursos ativados por voz, ela não regista o que está a ser dito dentro do habitáculo das suas viaturas. Após várias interpelações à empresa fabricante dos Tesla, a polícia de Basileia superou as suas preocupações e agora começaram a implantar a frota de veículos de polícia Tesla Model X pela cidade.

Segundo o site Telebasel, as primeiras equipas de patrulha foram treinados para usar o veículo elétrico. Atualmente têm já 3 carros em utilização e irão receber mais 4 Tesla Model X até final do corrente ano. Assim, esta torna-se a maior frota de carros de patrulha Tesla do mundo.

Este parece ser um veículo muito cobiçado pelas forças de autoridade um pouco por todo o mundo. Assim, como exemplo disso, vemos nos EUA, mais concretamente no Departamento de Polícia de Los Angeles e no Departamento de Polícia de Denver, veículos Model S como carros-patrulha. Na Europa, a Scotland Yard também diz que está já a considerar o veículo e a polícia do Luxemburgo converteu dois Model S em carros de polícia. Portanto, em breve, um pouco por todo o mundo, iremos ver estes carros com as cores da polícia.

VerdeSobreRodas, o ponto de encontro com a mobilidade sustentável

PostagemSuíça adaptou uma frota de veículos Tesla Model X para a polícia

Publicado no Verdesobrerodas



Por Pplware conteúdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário