Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos ; * lido por mais de DEZ países, * mais de DEZ MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

quarta-feira, 17 de abril de 2019

Portugal vai precisar ampliar rede de carregamento para apoiar VEs


Líder da associação Eurelectric alerta que postos de carregamento atuais não chegam para o crescimento que Portugal terá nos próximos anos.

Portugal está a viver uma transformação na mobilidade que se vem traduzindo num crescimento acentuado das vendas de carros elétricos. Só em 2018 dispararam 148%. 

Mas a infraestrutura de carregamento existente no país está longe de chegar para o avanço que os veículos elétricos terão nos próximos anos, alerta o secretário-geral da Eurelectric, a associação europeia do setor elétrico, Kristian Ruby.
Esta entidade realça que Portugal tem apenas 10 pontos de carregamento por cada 100 quilômetros de autoestrada, um rácio que deixa o nosso país em 18º lugar numa lista de 23 países para os quais o Observatório Europeu de Combustíveis Alternativos tem dados. 

O Observatório coloca a Noruega na liderança, com 552 pontos de carregamento para carros elétricos por cada 100 quilômetros de autoestrada. O segundo lugar é da Islândia, com 235 tomadas por cada 100 quilômetros, seguindo-se a Suécia, com 183, e o Reino Unido, com 122. É apenas um indicador, mas para Kristian Ruby evidencia o desafio que Portugal tem pela frente. Sobretudo tendo em conta que nas vendas de carros Portugal está por cima: em 2018 foi o quarto país europeu com maior quota dos elétricos nas vendas totais de carros.

VerdeSobreRodas, o ponto de encontro com a mobilidade sustentável


PostagemPortugal vai precisar ampliar rede de carregamento para apoiar VEs

Publicado no Verdesobrerodas



Por Expresso conteúdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário