Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos ; * lido por mais de DEZ países, * mais de DEZ MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

segunda-feira, 15 de abril de 2019

Elétrico Polestar 2 tem autonomia de 500 km


A Polestar é a nova submarca do grupo chinês Geely, mas está integrada ao time de engenharia e estilo da Volvo, tal como a marca local Lynk & Co. O modelo Polestar 2 surge como o irmão de berço do Volvo XC40, pois, era um dos dois conceitos que deram origem ao utilitário esportivo, que é vendido no Brasil.

Com estilo bem disruptivo, o Polestar 2 é descrito não como um crossover, mas como um fastback – para alívio de quem não aguenta mais lançamentos de SUVs – e tem propulsão totalmente elétrica. Nesse caso, a engenharia da Volvo decidiu seguir a tendência do mercado e adotar componentes compartilhados na indústria.

Dessa forma, o Polestar 2 aparece como dois motores elétricos que somam 408 cavalos e 67 kgfm. Provavelmente você já deve ter visto configuração igual nos elétricos da linha e-tron da Audi, assim como nos EQ da Mercedes-Benz ou mesmo no Jaguar I-Pace, embora com pouca variação de potência e torque.

Isso reduz enormemente os custos de desenvolvimento e produção dessa nova geração de carros elétricos, mas o Polestar 2 assume um pacote de baterias de lítio de 72 kWh, que permite uma excelente autonomia de 500 km no ciclo WLTP, ou seja, na vida real. Ele faz de 0 a 100 km/h em apenas 4,7 segundos.

O fastback elétrico mantém o mesmo estilo da Volvo, mas sem o badge da marca sueca. Assim, externamente, ele apresenta faróis full LED em estilo “Martelo de Thor”, bem como lanternas traseiras em “C” e totalmente em LED, mas unidas na parte inferior por um feixe de luz.

Por dentro, o ambiente é bem exclusivo em relação ao XC40, tendo cluster digital único e multimídia com enorme tela vertical. Com alvo declarado oficialmente (mencionado até no release da marca) no Tesla Model 3, o Polestar 2 chega no mercado chinês na versão First Edition no começo de 2020, custando 220.000 yuans ou cerca de R$ 265 mil. No entanto, a versão regular sairá por R$ 171 mil e um pacote mais básico de equipamentos.

Medindo 4,607 m de comprimento, 1,800 m de largura, 1,478 m de altura e 2,735 m de entre-eixos, o elétrico tem porte maior que o irmão SUV. Nos EUA, a versão de lançamento sairá por US$ 63.000, mas a regular deverá custar na faixa dos US$ 40.000. Ele será feito inicialmente apenas na China e tem potencial para chegar em vários mercados, inclusive o brasileiro.

VerdeSobreRodas, o ponto de encontro com a mobilidade sustentável

PostagemElétrico Polestar 2 tem autonomia de 500 km

Publicado no Verdesobrerodas



Por Noticias Automotivas conteúdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário