Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos ; * lido por mais de DEZ países, * mais de DEZ MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

sexta-feira, 1 de março de 2019

SUV elétrico derivado do Mustang à caminho do mercado


Se o Mitsubishi Eclipse, cupê que conquistou uma boa fama aqui no Brasil na década de 1990, hoje virou um SUV, a Ford não esconde que vai colocar no mercado norte-americano um utilitário esportivo derivado do Mustang, talvez criando assim o início de uma transição dos consumidores atuais do modelo para um SUV que preserve a característica esportiva do Mustang atual.

Um SUV elétrico derivado do Mustang também vai permitir a Ford se aproximar de uma receita atual repetida por muitas fabricantes premium, como a Audi com o seu e-tron, a Mercedes-Benz com o EQC, entre outras.
Ou seja, a ideia é oferecer um SUV que ofereça alto nível de desempenho, nenhuma emissão de poluentes e ainda consiga rodar por uma distância aceitável sem pedir muitas recargas.

A notícia mais recente envolvendo o futuro SUV esportivo da Ford veio a público graças a Bill Ford, presidente executivo da fabricante, que declarou em um evento que o utilitário esportivo baseado no Mustang terá autonomia para cerca de 300 milhas, ou aproximadamente 500 km, portanto um nível de alcance bem aceitável.

Bill Ford também explicou que, quando a marca iniciou a produção de carros elétricos em larga escala, “havia um pensamento que dizia o seguinte: é uma troca, ou você deseja ser ambientalmente correto e ter um carro sem graça, ou poderá ter um veículo bem mais cativante, porém terá que queimar muito combustível. 

Com a nova geração de carros elétricos, essa troca acabou. Hoje um carro elétrico pode ser muito divertido, não poluir e ainda oferecer ótimo desempenho”, explicou o executivo, sinalizando que o futuro SUV da marca deverá se destacar em termos de performance.

Você confere na foto principal uma projeção de Kleber Silva nos antecipando o que podemos esperar desse futuro SUV elétrico derivado do Mustang. Como não poderia ser diferente, podemos apostar em formas mais arrojadas, com um desenho dinâmico e remetendo ao modelo que lhe servirá de inspiração. Fabricado no México, o inédito SUV está previsto para estrear em 2020 em mercados da América do Norte, Europa e Ásia. 

VerdeSobreRodas, o ponto de encontro com a mobilidade sustentável

PostagemSUV elétrico derivado do Mustang à caminho do mercado

Publicado no Verdesobrerodas



Por AUTOO conteúdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário