Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos ; * lido por mais de DEZ países, * mais de DEZ MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

sábado, 22 de dezembro de 2018

VW está trabalhando para lançar utilitário 4×4 elétrico


De acordo com a revista alemã Auto Bild, a Volkswagen está trabalhando um utilitário 4×4 para rivalizar com o próximo Land Rover Defender, Jeep Wrangler e Mercedes-Benz Classe G. Este todo-terreno deverá chegar ao mercado mundial em 2022 e terá como destaque a propulsão 100% elétrica.

Segundo a publicação germânica, o veículo já tem um nome, pelo menos: T-Rug. Ele deverá seguir o mesmo estilo de nomenclatura usada em utilitários esportivos da VW no momento, como T-Cross e T-Roc, mas será bem diferente destes, a começar pela plataforma, que será a MEB, dedicada aos carros elétricos nativos do fabricante de Wolfsburg.

Com a base MEB, o Volkswagen T-Rug terá dois tamanhos de carroceria, sendo uma com duas portas e a maior com quatro portas. Obviamente estamos falando de variantes de cinco e/ou sete lugares. O primeiro medirá 4,50 m de comprimento, enquanto o segundo terá 4,85 m. Ou seja, um porte interessante para sua proposta off-road.

Para ter tração nas quatro rodas, o VW T-Rug deve valer-se de dois motores elétricos, sendo um em cada eixo, o que não é nenhum segredo em relação à MEB, que é bem versátil nesse aspecto. A principal questão é a autonomia das baterias de lítio, posicionadas no assoalho. No caso das células de 95 kWh, a marca garante nos conceitos ID até 547 km, um alcance muito bom até.

No caso do T-Rug, não dá para esperar algo muito mais abaixo que isso, visto que a proposta de fora de estrada requer no mínimo uma boa autonomia por motivos óbvios e como forma de se evitar o uso de motor diesel, que nunca venderia nos EUA por causa do Dieselgate.

Fora isso, há somente um detalhe que pode levar a uma mudança de nome. “Trug” em alemão, significa “engano” ou “embuste”. Então, o mais provável é que a designação final seja outra. A recepção ao projeto ainda contará com análise da VW para saber se de fato o projeto vai acabar chegando aos consumidores.

VerdeSobreRodas, o ponto de encontro com a mobilidade sustentável

PostagemVW está trabalhando para lançar utilitário 4×4  elétrico

Publicado no Verdesobrerodas



Por Noticias Automotivas conteúdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário