Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos ; * lido por mais de DEZ países, * mais de DEZ MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

domingo, 18 de novembro de 2018

Toyota Corolla terá versão híbrida


A Toyota divulgou mais imagens e informações do novo Corolla nas versões mais simples após a apresentação, enquanto o material embargado enviado para a imprensa continha fotos somente da versão esportiva do sedã.

Demorou, mas chegou! Este é o novo Toyota Corolla na versão sedã, apresentada na China durante o Salão de Guangzhou e que acabou ficando para depois das variantes hatchback e perua.
Assim como seus irmãos de plataforma, o Corola sedã traz uma mudança radical nas suas linhas, tentando atrair o público mais jovem. Promete ser mais seguro, com a adição de equipamentos de segurança ativa e passiva, e mais econômico, tanto pelo uso do motor 2.0 de 170 cv quanto com a futura versão híbrida.

O novo Toyota Corolla terá três visuais. As versões com motor a combustão terão um design próximo do hatch e da perua, com o mesmo formato de grade e que foi apresentado na China como Levin (nome de uma das versões na China). 

A segunda versão será a híbrida, com faróis de formato diferente, mais retangulares do que as do hatchback, e com luzes de neblina afastadas da grade. Alguns mercados, como os Estados Unidos, terá uma variante com cara mais esportiva chamada XSE, com uma grade bem maior que engloba parte do para-choque e ainda recebeu uma segunda entrada de ar mais acima. Os faróis têm formato semelhante ao da versão normal, mas com luzes de LED.
     
Construído com a plataforma TNGA, o novo Corola ficou maior. Seu entre-eixos é igual, com 2,70 metros de comprimento, mas as semelhanças param aí. A frente foi encurtada 3,3 cm, enquanto a traseira cresceu quase 1,5 cm. As alterações foram feitas para reduzir o centro de gravidade, montando o motor em uma posição mais baixa. Além disso, aproveita melhor o espaço de entre-eixos para deixar os passageiros mais confortáveis. Isso faz com que tenha 4,64 metros de comprimento, 1,78 m de largura e 1,43 m de altura.
  
Além das opções a gasolina, o novo Corolla ainda terá versão híbrida, com um conjunto formado pelo 1.8 com outro motor elétrico (o mesmo usado pelo Prius), gerando 122 cv e reabastecendo as baterias com o movimento do veículo. Os europeus terão outra opção de motor, uma versão melhorada do 1.6 usado atualmente por lá, com 132 cv.

A Toyota promete que todos os seus carros montados com a plataforma TNGA serão mais seguros, recebendo o pacote Safety Sense. Com ele, o Corolla passa a contar com sistema pré-colisão, controle de cruzeiro adaptativo, assistente de saída de faixa, leitor de placas de trânsito e faróis altos automáticos. O piloto automático trabalha junto com o leitor de faixas, fazendo com que o sedã seja capaz de acompanhar o trânsito e fazer pequenas curvas sozinho, embora exija que o motorista continue com as mãos no volante.

A estreia na maioria dos mercados irá acontecer ao longo de 2019. A fabricante diz que, na Europa e nos EUA, começará a ser vendido durante a primavera do hemisfério norte (ou seja, entre março e junho). Por aqui, a espera será mais longa. Como a fabricante nipônica acaba de começar a atualização da fábrica em Indaiatuba (SP), investindo R$ 1 bilhão na obra, em um processo que levará até um ano e meio para ser concluído, o lançamento nacional fica para 2020.

VerdeSobreRodas, o ponto de encontro com a mobilidade sustentável

PostagemToyota Corolla terá versão híbrida

Publicado no Verdesobrerodas



Por Motor1 conteúdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário