Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos ; * lido por mais de DEZ países, * mais de DEZ MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

sexta-feira, 2 de novembro de 2018

Carregamento de carro elétrico por wireless está evoluindo rápido


Será possível carregar baterias de carros elétricos sem fios? Sim, tudo indica que será possível num futuro não muito distante.

Uma investigação do Departamento de Energia dos Estados Unidos conseguiu fabricar um protótipo de um sistema de carregamento sem fios capaz de transferir energia a 120 KW de potência com uma eficiência de 97%.

Uma equipe de pesquisadores que trabalham no Laboratório Nacional de Oak Ridge (ORNL), do Departamento de Energia dos Estados Unidos (DOE), criou um protótipo que possibilita carregar baterias através de um sistema sem fio. Essa criação representa uma revolução na tecnologia, já que se aproxima dos seus tempos de carga para as mais potentes estações à cabo de última geração e para o reabastecimento convencional de combustíveis fósseis.

Na demonstração feita no laboratório do Centro Nacional para a Energia DOE transferiu uma área de mais de 15 centímetros (6 polegadas) entre a bobina magnética presente no chão e no veículo que garante viabilidade para a sua implementação de forma prática.
No processo de transferência entre as bobinas primária e secundária, somente 3% de energia é perdida.

Em 2016 os pesquisadores do ORNL criaram um sistema de recarga sem fios que tinha potência de 20 KW e eficiência de 90%. Esse sistema está sendo estudado para se tornar um sistema de cobrança que poderá ser utilizado por veículos de entrega comercial.
De acordo com os cientistas norte americanos, para o projeto foi fundamental manter as condições reais que foram alcançadas na demonstração anterior para incentivar a adoção comercial.

Para conseguir uma potência de 120 KW, a equipe da ORNL criou um novo design de bobina otimizada, que utilizou os mais recentes desenvolvimentos de dispositivos eletrônicos de carboneto de silício que permitem que o sistema seja bem mais leve e compacto.Tecnicamente, o sistema retira energia da rede e converte em corrente alternada de alta frequência, que gera um campo magnético capaz de transferir energia por meio do ar. Na hora que a energia atinge a bobina secundária, o receptor, ela é convertida de volta na corrente contínua para que possa ser armazenada na bateria do veículo.

O carregamento sem fio é um sistema amigável, porque não requer cabos intermediários e diminui o problema de diferentes padrões de conectores. Além disso, a possibilidade de diminuir os tempos de espera de aproximadamente 15 minutos de recarga e facilitar a comunicação entre os operadores de rede, vai tornar um incentivo adicional para a adoção de veículos elétricos em grandes quantidades. O próximo passo é converter essa tecnologia em um sistema dinâmico de carregamento sem fio que utilizará plataformas de carregamento dinâmico em velocidades de autoestrada.

VerdeSobreRodas, o ponto de encontro com a mobilidade sustentável

PostagemCarregamento de carros elétricos por wireless está evoluindo rápido

Publicado no Verdesobrerodas



Por Portal Energias Renováveis conteúdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário