Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos ; * lido por mais de DEZ países, * mais de DEZ MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

quinta-feira, 11 de outubro de 2018

Mercedes aumenta ritmo da eletrificação


A Mercedes-Benz está a aumentar o ritmo no que diz respeito à eletrificação da sua gama automóvel. A marca germânica conta em 2022, ter todas alternativas elétricas disponíveis em todos os segmentos.

Os primeiros novos híbridos plug-in de terceira geração rotulados como EQ Power, com especial enfoque no Classe C, E e S, serão entregues ao longo dos próximos meses. 

A bateria de 13,5 kWh nos veículos híbridos é emparelhada com um motor a gasolina ou, pela primeira vez, com um motor a diesel. Outra novidade mundial é a combinação de tecnologia híbrida plug-in com uma célula de combustível no novo Mercedes-Benz GLC F-CELL (consumo combinado de hidrogênio de 0,34 kg / 100 km, emissões combinadas de CO2 de 0 g / km, consumo elétrico ponderado de 13,7 kWh / 100 km).

A Mercedes-Benz revelou o precursor da sua nova marca EQ há apenas algumas semanas com a estreia mundial do Mercedes-Benz EQC (consumo elétrico combinado de 22,2 kWh / 100 km; emissões combinadas de CO2 0 g / km, valores provisórios). Em 2022, a família de automóveis EQ incluirá vários outros modelos a baterias elétricas.

Entre os modelos que vão chegar em 2019 destaca-se a Mercedes-Benz C300 de Limousine e Station (consumo de combustível combinado 1.6 l / 100 km, emissões combinadas de CO2 de 42 g / km, consumo elétrico combinado 19.1-18.7 kWh / 100 km) é um exemplo particularmente dinâmico da terceira geração de tecnologia híbrida plug-in da Mercedes-Benz.

O C300de incorpora, pela primeira vez no Classe C, o motor a diesel OM 654 de quatro cilindros. O resultado é um veículo que pode percorrer uma distância de até 57 km (NEDC) somente com energia elétrica, com zero emissões locais.

O C300de combina o já conhecido motor diesel de 2 litros com 194cv, com um motor elétrico de 122cv e uma bateria de 13,5 kWh. A potência combinada é de 306cv e 700 Nm de binário máximo a partir de 1.400 rpm e uma aceleração dos 0 aos 100 km/h em 5,6 segundos - 5,7 segundos para a Station.

VerdeSobreRodas, o ponto de encontro com a mobilidade sustentável

PostagemMercedes aumenta ritmo da eletrificação

Publicado no Verdesobrerodas



Por AutoPortal conteúdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário