Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos ; * lido por mais de DEZ países, * mais de DEZ MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

quarta-feira, 18 de julho de 2018

Modelo Polestar 2 será eletrificado


A divisão de performance associada à Volvo virou marca de automóvel e agora parte para seu segundo produto. Após apresentar o cupê híbrido Polestar 1, a empresa sueca espera pelo seu segundo produto, que será um carro 100% elétrico. De acordo com o site britânico Express, o Polestar 2 será um carro baseado no conceito 40.2 da Volvo, que foi apresentado junto com o 40.1, que originou o atual XC40.

A plataforma é a mesma CMA e as linhas gerais também, mas o formato da carroceria é diferente, sendo um liftback com tampa traseira integrada ao vidro, um estilo que os europeus apreciam muito. A ideia do Polestar 2 é ser um carro de 4,50 m de comprimento e que pelo visto terá os mesmos 2,70 m de entre-eixos do Volvo XC40, que já é vendido no mercado brasileiro.

Embora o Polestar 1 use o motor Drive-E como gerador para ajudar na propulsão e baixar os níveis de emissão, ele será o único da Polestar com esse arranjo, pois os Polestar 2 e 3 serão puramente elétricos, sendo que o segundo será um SUV de porte suficiente para brigar com o Tesla Model X ou Y. No caso deste primeiro elétrico da nórdica, a ideia é buscar o Tesla Model 3.

Para isso, ele contará com um propulsor elétrico dianteiro, mas ainda de potência não revelada. O que se sabe é que terá um conjunto com dois motores elétricos totalizando 400 cavalos na versão mais cara. Além disso, a autonomia será de 560 km, embora a Polestar tenha revelado isso ainda na época em que o padrão NEDC europeu estava em vigência.

Com o novo WLTP, que é a homologação com base em dados reais de condução, a autonomia deve ficar mesmo em 420 km e no padrão americano EPA por volta de 385 km. 

De qualquer forma, ainda será um alcance respeitável se for da versão de acesso. Isso porque o preço não será exatamente barato, mas não muito caro também. A estimativa na Europa é que custe entre 34 mil e 56,5 mil euros, segundo a própria empresa, lembrando que a previsão inicial era de que o Polestar 2 partisse de 40 mil euros.

Isso significa que a marca escandinava não pretende elevar seus preços numa faixa premium apenas, mas buscar também clientes de carros elétricos comuns, como no caso do Volkswagen e-Golf, por exemplo.

Por ora, não se sabe quais os planos da Polestar para esse novo carro fora do eixo Europa-China-EUA. Com produção localizada no segundo, o Polestar 2 pode chegar ao mercado americano, mas se as barreiras comerciais continuarem, a produção no país seria uma opção.

VerdeSobreRodas, o ponto de encontro com a mobilidade sustentável

PostagemModelo Polestar 2 será eletrificado

Publicado no Verdesobrerodas



Por Noticias Automotivas conteúdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário