Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos ; * lido por mais de DEZ países, * mais de DEZ MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

quinta-feira, 26 de julho de 2018

LEAF com bateria de 60 kWh poderá ter autonomia de 500 km


Nos primeiros dias deste ano soubemos que o Nissan LEAF com a bateria de 60 kWh seria uma realidade em 2019. Graças ao vazamento de uma informação interna da marca, descobriu-se que os responsáveis pelo modelo elétrico estavam terminando seu desenvolvimento mecânico para lançá-lo no mercado. Além disso, pudemos conhecer outros detalhes, como seu posicionamento no mercado e rivais diretos.

A nível técnico, o Nissan LEAF contará com uma nova bateria de íons de lítio com uma capacidade de 60 kWh. Graças a ela, poderá superar com folga os 350 quilômetros de autonomia oferecidos pela versão atual de 40 kWh. Levando em conta os números, com essa nova unidade poderá superar os ‘teóricos’ 500 quilômetros de autonomia, embora os responsáveis da empresa assegurem que em uso real será superior aos 320 quilômetros. No entanto, alguns rumores indicam que essa autonomia estará próxima dos 363 quilômetros em uso real.

Mas além do incremento em autonomia, uma das grandes novidades que essa evolução do Nissan LEAF trará, tem a ver com a potência do seu motor elétrico. Se o atual desenvolve 150 cv e 320 Nm de torque, quando a nova bateria chegar à linha, a potência final será de 200 cv - o torque não foi revelado.

Todas estas novidades permitirão que o Nissan LEAF mantenha sua condição de veículo elétrico mais vendido do mundo. Além disso, ajudarão a tirar a coroa do seu primo Renault Zoe na Europa, hoje o elétrico mais vendido no Velho Continente. No entanto, para destacar estas mudanças técnicas, a marca japonesa decidiu que essa versão de autonomia estendida receberá o sobrenome E-Plus.

Como mencionado no início, a chegada ao mercado do Nissan LEAF E-Plus acontecerá em 2019. Com isso, o Salão de Paris ou o de Los Angeles, que abrem suas portas antes do final do ano, poderão ser uma boa ocasião para apresentá-lo publicamente.

VerdeSobreRodas, o ponto de encontro com a mobilidade sustentável

PostagemLEAF com bateria de 60 kWh poderá ter autonomia de 500 km

Publicado no Verdesobrerodas



Por PlanetCarsz conteúdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário