Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos ; * lido por mais de DEZ países, * mais de DEZ MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

sexta-feira, 29 de junho de 2018

VEs estão conquistando preferência do consumidor


Os veículos elétricos estão a conquistar a preferências dos consumidores e as empresas desdobram-se para conseguir satisfazer a enorme procura que se tem registado. Em Portugal, entre janeiro e abril deste ano, foram vendidas 1.184 unidades, um sinal forte da aceitação da tecnologia.

O fabrico dos veículos mudou, há alterações profundas nos carros, mas ainda não há uma fórmula fechada e, por isso, apareceu uma empresa eslovena que fabrica motores elétricos instalados nas rodas.

Iremos ter em breves anos no mercado mundial automóvel uma revolução sem precedentes, isto porque além dos carros nativos elétricos haverá uma necessidade de “eletrificar” os outros, isto é, o que se vai fazer a milhões e milhões de viaturas que queimam combustíveis fósseis? Destruir? Provavelmente haverá quem possa ir mais longe e aproveitar grande parte da viatura mudando somente a sua estrutura motriz.

A ideia não é nova, aliás, muitos dos projetos pioneiros nesta área tinham essa arquitetura, o motor elétrico introduzido na roda. No passado, esta forma de usar o motor não surtiu grande efeito dado o desgaste que o motor sofre pelos impactos nos pavimentos, nas estradas por onde circula. Os buracos, obstáculos, trepidação e outros problemas afastaram no passado as empresas de pensar nesta hipótese.

Agora, a empresa eslovena Elaphe criou motores elétricos sobre rodas que já foram testados nas piores condições que o inverno pode oferecer.Os motores são embalados como um cubo de roda completo, seja com um sistema de travões de disco ou de tambor. O motor, rolamentos e tudo o que o fabricante de automóveis necessitaria, teriam de ser seguros no final da suspensão.

Os motores das rodas poderiam ajudar os fabricantes de automóveis a aproveitar um dos principais benefícios dos carros elétricos: eles podem oferecer muito espaço interno com um espaço relativamente pequeno. Este sistema evitaria reservar um compartimento grande para o motor, reduzindo o espaço ocupado apenas para as baterias. Com os motores nas rodas, o corpo do carro seria muito melhor distribuído podendo haver mais conforto de habitáculo. Sem eixos ou caixas de velocidade, os motores das rodas também seriam mais eficientes e melhorariam a autonomia dos carros elétricos.

Outra vantagem é que simplificaria os sistemas de controlo de tração e estabilidade, já que os engenheiros poderiam controlar diretamente o binário ou a resistência em cada roda, em vez de controlar a potência e a travagem separadamente. Além disso, este sistema poderá tirar mais potência que um motor centralizado, distribuindo melhor a travagem numa roda sem com isso diminuir nas outras, conseguindo em cenários difíceis, como estradas com neve, uma resposta mais dinâmica.

Os principais fornecedores da indústria automotiva também desenvolveram tecnologias que perseguem essa ideia, como o eixo eletrônico da Bosch, que combina o motor, a transmissão e a unidade de controlo de potência num único eixo, que pode ser colocado num carro e projetado como o eixo traseiro independente de um SUV de tração nas quatro rodas.

Não está claro se os motores de roda Elaphe podem ser vistos em breve num carro elétrico, mas pelo que vemos no vídeo, a empresa pode estar a caminho de resolver um dos principais desafios dos motores elétricos. Agora é dar asas à imaginação e aumentar os cenários possíveis para esta tecnologia nos veículos de hoje. Será que era possível com facilidade e custos controlados transformar um veículo a combustíveis fósseis num veículo elétrico?

VerdeSobreRodas, o ponto de encontro com a mobilidade sustentável

PostagemVEs estão conquistando preferência do consumido

Publicado no Verdesobrerodas



Por Pplware conteúdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário