Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos ; * lido por mais de DEZ países, * mais de DEZ MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

sexta-feira, 11 de maio de 2018

Meta da Nissan Portugal é 15% de participação de VEs


A Nissan Portugal quer que as suas vendas de viaturas elétricas representem 15% do total no ano fiscal de 2018, período em que quer segurar 5% da quota de mercado, anunciou o diretor geral da empresa, Antônio Melica.

Em conferência de imprensa, antes dos objetivos para o atual ano fiscal japonês - entre abril e março -, o responsável destacou os "números recordes" de 2017 quando a marca viu crescer as vendas em Portugal acima dos 17% (+2.121 unidades) para um total de 14.553 unidades, assegurando uma quota de mercado de 5,5% (+0,4% pontos percentuais).

No segmento dos carros elétricos, a Nissan quer vender 1.800 unidades, depois das quase 400 comercializadas entre março e setembro do ano passado, já que a produção foi interrompida face ao lançamento da nova versão do modelo Leaf. A marca japonesa, incluída na aliança Renault e Misubishi, notou que em sete meses já ultrapassou mil encomendas da nova versão do carro elétrico, enquanto a anterior geração tinha registado 1.077 unidades em sete anos. Para alcançar 15% de vendas em Portugal de veículos elétricos, a marca conta com o LEAF e o comercial e-NV200.

Os objetivos para o ano fiscal de 2018 surgem num cenário de "desafios e oportunidades" colocadas, nomeadamente, com as novas normas para o setor, que irão fazer subir os valores homologados das emissões poluentes de CO2, o que poderá fazer aumentar impostos e, consequentemente, o preço das viaturas, recordou Antônio Melica. A marca garantiu estar preparada para lidar com a tendência pela procura de uma mobilidade mais limpa e até partilhada, assim como para a concorrência no segmento 'crossover', que soma 86 concorrentes ao seu modelo Qashqai.

Depois do encontro com os jornalistas foi assinado o protocolo entre a Nissan Portugal e o Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) para plantar cerca de 180 mil árvores no Pinhal do Rei, em Leiria.

VerdeSobreRodas, o ponto de encontro com a mobilidade sustentável

PostagemMeta da Nissan Portugal é 15% de participação de VEs

Publicado no Verdesobrerodas



Por Diário de Notícias conteúdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário