Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos ; * lido por mais de DEZ países, * mais de DEZ MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

sábado, 28 de abril de 2018

Lexus mostra modelo ES “self-charging hybrid”


A Lexus acaba de dar a conhecer, no Salão de Pequim, uma nova geração do Lexus ES. Geração que significa também o fim do GS e que, em Portugal, vai estar disponível lá mais para o final do ano.

Baseada numa nova plataforma Arquitetura Global-K, a sétima geração do Lexus ES, é, no entanto, a primeira a ser comercializada na Europa Ocidental.
As alterações são profundas — nova plataforma — e constatáveis logo nas dimensões exteriores: o modelo é mais comprido (+65 mm), mais baixo (-5 mm), mais largo (+45 mm) e com maior distância entre eixos (+50 mm) do que a geração precedente, além de mais leve.

Em termos estéticos, o ES ostenta uma silhueta mais dinâmica e fluída, com a frente a variar consoante as versões — no modelo de entrada, barras verticais que se projetam a partir do centro da já característica grelha frontal Lexus, enquanto, nas versões F SPORT (disponíveis pela primeira vez na gama ES), adotam um padrão cruzado negro que combina com secções recortadas na frente do carro.

Já no interior, para o qual a fonte de inspiração foi o conceito Lexus Future Interior, um cockpit centrado no condutor, com uma área espaçosa e confortável para o passageiro da frente, além de espaço para os ocupantes dos lugares traseiros. Sendo que, a acompanhar este cuidado com o conforto, patente igualmente em materiais como o bambu ou a madeira Shimamoku, uma aposta na conetividade, através da opção por um sistema de infoentretenimento com tela de 12,3″, além do já tradicional touchpad.

Híbrido de 218 cv
Modelo de tração dianteira — ao contrário do GS, que era tração traseira —, no caso das versões F SPORT também com Suspensão Adaptável Variável semelhante à que está montada no coupé LC, o Lexus ES conta, no caso da versão 300h, com um novo sistema eletrificado “self-charging hybrid” de quarta geração, o qual acopla um novo motor a gasolina de quatro cilindros Atkinson de 2,5 litros, a um motor elétrico mais leve e compacto. Com a soma das partes a oferecer uma potência total de 218 cv, anunciando consumos, em ciclo combinado, de 4,7 l/100 km.

Disponível com a mais recente geração do Lexus Safety System+, o ES acrescenta ainda funcionalidades de segurança como a detecção diurna de ciclistas no Sistema de Segurança de Pré-colisão (PCS) e o Sistema de Luzes de Máximos Automáticas (AHS) com funcionamento em duas fases. Sem esquecer, no domínio do conforto, o sistema de 17 colunas Mark Levinson PurePlay.

O novo Lexus ES vai estar à venda, nos mercados da Europa Ocidental, a partir de dezembro de 2018, sendo que, em Portugal, apenas estará disponível a versão híbrida, ES 300h.

VerdeSobreRodas, o ponto de encontro com a mobilidade sustentável

PostagemLexus mostra modelo ES  “self-charging hybrid”

Publicado no Verdesobrerodas



Por Razão Automóvel conteúdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário