Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos ; * lido por mais de DEZ países, * mais de DEZ MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

terça-feira, 20 de março de 2018

UPS inaugura sistema capaz de carregar vários VEs ao mesmo tempo


Em Londres, a UPS deu um passo significativo no que diz respeito à sua frota de veículos de entregas com propulsão elétrica, através da implementação de uma tecnologia de carregamento nova e radical. 

A tecnologia, implementada por um consórcio liderado pela UPS, permite recarregar em simultâneo uma frota inteira de veículos elétricos sem a necessidade de proceder a um upgrade na rede de energia elétrica, o que implica custos elevados.

Em comunicado, a UPS salienta que este grande avanço sinaliza o início do fim da dependência dos veículos tradicionais com motores a combustão, e permite que a UPS aumente o número de veículos elétricos em operação na sua central de Londres para 170 caminhões, quando atualmente estava limitada a 65.

Acredita-se que esta é a primeira vez que estes sistemas são implementados com esta escala em todo o mundo – e é o resultado do projecto Smart Electric Urban Logistics (SEUL) que resulta da parceria entre a UK Power Networks e a Cross River Partnership, com financiamento do Departamento do Reino Unido para Veículos de Emissões Reduzidas.

«A UPS acredita que esta é uma estreia mundial, que acontece no coração de uma mega-cidade. Estamos a utilizar novas tecnologias para contornar alguns obstáculos, ainda grandes, à implementação de veículos elétricos, e a anunciar uma nova geração de serviços de entrega urbana sustentável, em Londres e noutras grandes cidades à volta do mundo», disse Peter Harris, Diretor de Sustentabilidade da UPS Europa.

«Os veículos elétricos são um componente integral da frota de combustível alternativo e de tecnologia avançada da UPS. A nossa colaboração com a UK Power Networks e a Cross River Partnership marca um ponto de viragem importante na implementação eficiente de veículos elétricos, e que, por sua vez, irá desempenhar um papel fundamental para assegurar que a tendência global da urbanização seja sustentável. Estamos a aplicar novas tecnologias para tornar o processo de cobrança mais inteligente e o nosso serviço de entrega mais limpo», acrescentou.

Com mais esta iniciativa – que se junta aos avanços que a empresa anunciou no mês passado sobre a redução do custo dos veículos elétricos – a UPS acredita que se está a aproximar rapidamente o dia em que os custos de colocar um veículo elétrico na estrada, incluindo os associados à obtenção de energia para o veículo, será menor do que os custos equivalentes da sua contrapartida diesel. Este desenvolvimento será fundamental para permitir que os veículos elétricos sejam implementados em escala nas várias cidades do mundo, um componente essencial para enfrentar os desafios da qualidade do ar nesses ambientes urbanos.

«Esta solução pioneira permitiu à UPS aumentar a sua frota de veículos elétricos sem ter que proceder a um upgrade da sua ligação de rede, e está assim a preparar o caminho para futuras eletrificações de veículos de entrega nas nossas cidades», afirmou Ian Smyth, da UK Power Networks Services. 


No seu comunicado, a UPS salienta que uma parte fundamental desta iniciativa consiste no uso de baterias de armazenamento de energia no local. Embora novas pilhas tenham sido implantadas nesta fase, prevê-se que, no futuro, estas possam ser baterias de segunda vida que já tenham sido usadas numa frota de veículos elétricos da UPS. 

Juntamente com a rede inteligente, isso abrirá caminho para uma estratégia de infra-estrutura da UPS para a frota de veículos eléctricos, que pode usar dinamicamente uma atualização de energia convencional, uma rede inteligente, armazenamento local e, em muitos casos, a geração de energia local, incluindo a solar e outras fontes alternativas.

«O nosso trabalho anterior em veículos elétricos de entrega mostrou que as restrições de infra-estrutura local da rede são uma das principais barreiras à sua grande captação», declarou Tanja Dalle-Muenchmeyer, Gestora do Programa de Elétrico da Cross River Partnership. «Precisamos de encontrar soluções mais inteligentes para o carregamento de veículos elétricos se quisermos beneficiar da qualidade significativa do ar e dos benefícios ambientais que esses veículos oferecem, e acreditamos que esta seja uma solução», acrescentou.

A UPS conta com um longo percurso de experiência com veículos elétricos – introduziu-os pela primeira vez na sua frota na década de 1930 e reintroduziu veículos eléctricos modernos em 2001. Atualmente, a UPS possui mais de 300 veículos elétricos e quase 700 veículos elétricos híbridos, na Europa e nos EUA.

A empresa encomendou recentemente 125 novos caminhões elétricos a serem construídos pela Tesla em 2019, uma das maiores pré-encomendas até à data. Adicionalmente, em Setembro último, a UPS anunciou que se tornará o primeiro cliente comercial nos EUA a começar a usar três caminhões elétricos de médio porte da marca Daimler Trucks Fuso, modelo eCanter.

VerdeSobreRodas, o ponto de encontro com a mobilidade sustentável

PostagemUPS inaugura sistema capaz de carregar vários VEs ao mesmo tempo

Publicado no Verdesobrerodas



Por Revista Cargo conteúdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário