Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos ; * lido por mais de DEZ países, * mais de DEZ MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

quinta-feira, 22 de março de 2018

Montalegre tem seu primeiro posto de carregamento para VEs


Instalado nas traseiras do edifício da autarquia, entrou hoje em funcionamento o primeiro posto de carregamento de carros elétricos do concelho de Montalegre. O posto está inserido na rede pública nacional e vem abrir janelas de oportunidade à implantação dos carros elétricos no mercado. Permite abastecer o carro num máximo de 30 minutos, podendo vir a ser especialmente adequado para situações imprevistas e para viagens de maior distância.

Com carros 100% elétricos, cada vez com mais autonomia, experiência de condução inovadora, zero emissões e zero poluição são cada vez mais os cidadãos a enveredar por estas viaturas.
Viaturas muito mais econômicas, com cada 100 Km no seu carro elétrico a custarem apenas 1,5€. Neste contexto, o município de Montalegre dá o exemplo como faz questão de vincar o presidente da autarquia. “Temos o primeiro posto de abastecimento para carros elétricos localizado na praça Luís de Camões. 

Estão previstos mais dois: em Salto e Cabril, para ficarmos com o território mais ou menos coberto. Aguardamos a chegada de mais três veículos elétricos durante o mês de abril ou princípio de maio. A partir de agora, passa a ser uma exigência que a frota da Câmara de Montalegre seja essencialmente constituída por carros elétricos”.

Orlando Alves esclarece que estes postos de carregamento, para já, "terão utilização gratuita". Porém, no futuro «estamos a pensar na colocação de mais e teremos que avaliar a situação». Numa fase inicial, sublinha o autarca, "queremos despertar a população para este desafio". É desta forma que o município de Montalegre se posiciona, em pleno século XXI, "para o desafio feito à escala mundial de todos nos envolvermos em salvar o planeta", reforça. Para isso "é necessário reduzir as emissões de carbono", sendo este «o nosso contributo para a chamada descarbonização da economia".

VerdeSobreRodas, o ponto de encontro com a mobilidade sustentável

PostagemMontalegre tem seu primeiro posto de carregamento para VEs

Publicado no Verdesobrerodas



Por A Voz de Trás-os-Montes conteúdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário