Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos ; * lido por mais de DEZ países, * mais de DEZ MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

quarta-feira, 21 de fevereiro de 2018

SsangYong está de olho no mercado de utilitários elétricos

A sul-coreana SsangYong está de olho no mercado de utilitários esportivos movidos por energia elétrica. O fabricante asiático – que a partir de março volta a estar presente no mercado brasileiro – estará em Genebra com um novo conceito, o chamado e-SIV. A designação é uma abreviação de “Electronic Smart Interface Vehicle”.

A proposta é de um utilitário esportivo de propulsão elétrica e dotado de condução autônoma.
De porte médio, o SsangYong e-SIV apresenta um design sofisticado, mas com linhas bem realistas, próximas do que deverá ser em sua versão de produção. Chama a atenção as colunas C bem grandes, que passam a impressão de maior robustez ao veículo.


Na frente, os faróis são um conjunto de projetores de LED, que são ligados através de um feixe de LED na base do capô. Faróis de neblina verticais são igualmente em LED e possuem molduras em baixo relevo. O para-choque tem spoiler bem pronunciado e há uma grade na parte inferior, enquanto o logotipo iluminado da SsangYong fica isolado em uma grade falsa.

A carroceria tem vincos bem marcantes nas laterais e colunas A retas, enquanto o teto – igualmente retilíneo – tem uma leve inclinação para a traseira. As lanternas são bem afiladas e igualmente em LED, cortadas pela tampa do porta-malas. Elas formam um conjunto único sobre a tampa traseira e cria um aspecto que lembra muito o estilo da Lincoln.

Comenta-se na Europa que o SsangYong e-SIV é um vislumbre da próxima geração do Korando, que na geração e proposta atuais, foi lançado em 2010 e já passou por dois facelifts. A expectativa é que essa nova geração chegará ao mercado global em 2019, possivelmente ostentando estas linhas do conceito.

Se assim for, o Novo Korando poderá ter a disposição uma variante elétrica logo de começo, que poderia bem reproduzir as características técnicas do e-SIV, que consiste em motor elétrico de 190 cv e baterias de lítio com autonomia na casa de 450 km, o que não seria nada ruim no atual cenário dos carros elétricos. A marca divulga que o conceito alcança 150 km/h e 80% da carga pode ser reposta em apenas 50 minutos.

No próximo mês, o SsangYong Korando chega ao mercado nacional com preços entre R$ 135 mil e R$ 150 mil, de acordo com a empresa. Com o último facelift, o SUV médio chegará com um motor bem distante da proposta do conceito acima, um turbo diesel 2.2 de 178 cv e 41 kgfm, além de câmbio automático de seis marchas e tração nas quatro rodas.

VerdeSobreRodas, o ponto de encontro com a mobilidade sustentável

PostagemSsangYong está de olho no mercado de utilitários elétricos
Publicado no Verdesobrerodas


Por Noticias Automotivas conteúdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário