Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos ; * lido por mais de DEZ países, * mais de DEZ MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

segunda-feira, 15 de janeiro de 2018

Startup apresenta minivan elétrica na CES 2018

Um dos (poucos) pontos negativos de se fazer mercado via loja virtual é que só é possível avaliar verduras e outros items mais sensíveis quando eles chegam para retirada, o que pode gerar algum estresse dependendo do estado do produto.  

A solução criada pela Robomart — startup residente da região de Santa Clara, na Califórnia — não só resolve esse problema, como tem potencial para mudar os hábitos de consumo de muitas pessoas. 

A solução proposta pela companhia — que está com um estande na CES 2018 — consiste em criar uma minivan com funcionamento 100% autônomo, que andaria pela cidade e, a partir da solicitação de um usuário, iria até o ponto de encontro indicado por ele e disponibilizaria para venda os produtos armazenados em seus compartimentos. A Robomart faz parte do “Inception Program”, iniciativa desenvolvida pela NVIDIA que busca aplicar o potencial da inteligência artificial e deep learning em tarefas do dia a dia, então os trabalhos para que essa tecnologia chegue às ruas já estão bem avançados.

O veículo desenvolvido pela Robomart conta com tecnologias de ponta para a condução de carros autônomos, como diferentes sensores de movimento, câmeras e um software que auxilia esse tipo de veículo no planejamento de rotas e detecção de obstáculos. Em acordo com sua linha futurista, o carro autônomo funciona via energia elétrica, com capacidade para rodar mais de 120 quilômetros antes de necessitar de recarga.

A parte interna do veículo (responsável por armazenar os produtos) será customizada de acordo com o que ela estiver sendo transportado: áreas climatizadas e separadas para frutas, setores mais compactos para grãos e cereais, prateleiras mais curtas para enlatados etc.
O processo para requisitar o serviço é bem parecido com o que fazemos para pedir um táxi ou motorista particular: a partir do app disponibilizado pela empresa, o usuário solicita e acompanha o trajeto do carro; ao chegar, ele conseguirá abrir a porta e selecionar os produtos que deseja. O veículo terá um sistema que identificará quais produtos foram removidos pelo cliente e fará a cobrança de valores diretamente do perfil dele.

Outro aspecto interessante desse serviço é que a Robomart fará a ponte entre os clientes e as lojas de conveniência da região: as lojas parceiras disponibilizarão os produtos e conseguirão acompanhar em tempo real quais foram vendidos, solicitar que o veículo volte para que a mercadoria seja reposta e, caso necessário, se comunicar com o cliente, caso ele tenha alguma dúvida sobre o produto.

E quando chega às ruas? O objetivo da companhia é iniciar o projeto-teste a partir de junho deste ano: todos os preparativos técnicos estão em fase final de ajuste, e a permissão de teste para rodar um veículo autônomo — uma licença que precisa ser emitida pelo Departamento de Veículos Motorizados da Califórnia — já foi solicitada. Em breve, quem mora próximo à baía de São Francisco terá acesso a uma tecnologia de última geração que ainda ajuda a conseguir um pé de alface fresquinho.

VerdeSobreRodas, o ponto de encontro com a mobilidade sustentável

PostagemStartup apresenta minivan elétrica na CES 2018

Publicado no Verdesobrerodas



Por Tecmundo conteúdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário