Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos ; * lido por mais de DEZ países, * mais de DEZ MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

quinta-feira, 25 de janeiro de 2018

SEAT aposta em carros movidos a GNC

A visita de Luca de Meo à Argélia enquadra-se na estratégia de internacionalização da SEAT. Nesse sentido, a marca tem como objetivo um crescimento ambicioso para os próximos anos, e o Norte de África, juntamente com a América Latina, representa um papel chave nessa aposta, com especial destaque para a Argélia, que tem um grande potencial. 

Este mercado tem uma importância central no plano de crescimento da SEAT na região, já que é a marca designada como líder do plano de desenvolvimento em representação do Grupo Volkswagen.
Com esse projeto, a SEAT montará, pela primeira vez, automóveis fora da Europa, o que representa um marco para a empresa. Todos os veículos montados na fábrica de Relizane têm como destino o mercado argelino.

Da mesma maneira que a estratégia aplicada na Europa, a aposta da SEAT na propulsão GNC (gás natural comprimido) é um objetivo prioritário na Argélia, por ser uma alternativa sustentável aos sistemas tradicionais de propulsão e aos elétricos. O GNC tem emissões de óxido de nitrogênio 85% inferiores às dos motores Diesel; reduz em 25% as emissões de CO2 comparativamente aos motores a gasolina e elimina quase em absoluto as partículas em suspensão. Nesse sentido, durante a visita à Argélia, Luca de Meo reuniu-se com Abdelmoumen Ould Kaddourla, CEO da Sonatrach, a principal empresa de gás no país.

Depois do encontro com o Primeiro-Ministro argelino, o CEO da SEAT disse que “o Norte de África é uma zona de crescimento natural para a SEAT, que está neste momento numa fase de internacionalização. A inauguração da fábrica de Relizane, em julho de 2017, representou um marco histórico para nós, já que é a primeira vez que produzimos fora das fronteiras europeias. Na Argélia, estamos fabricando automóveis por e para argelinos. Hoje, apresentamos a quinta geração do Ibiza e nos próximos meses esperamos dar início à montagem de outros modelos de forma a satisfazer a procura dos clientes deste país”.

Mourad Oulmi, CEO da SOVAC e da SOVAC Production, disse que “o lançamento da SOVAC Production, no último mês de julho, inaugurou uma nova era da indústria automobilística na Argélia, graças ao acordo de colaboração com o Grupo Volkswagen. Além de um ambicioso plano de produção, 2018 também será marcado pelo lançamento da segunda fase da SOVAC Production. Será o ano em que iniciaremos a integração e desenvolvimento da indústria auxiliar. Encorajaremos a instalação de fornecedores na Argélia com a fabricação de componentes para o mercado local e externo. Quero agradecer ao CEO da SEAT, Luca de Meo, o seu permanente acompanhamento deste projeto, especialmente no que diz respeito à formação e à logística”.

VerdeSobreRodas, o ponto de encontro com a mobilidade sustentável

PostagemSEAT aposta em carros movidos a GNC

Publicado no Verdesobrerodas



Por PlanetCarsz conteúdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário