Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos ; * lido por mais de DEZ países, * mais de DEZ MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

sexta-feira, 12 de janeiro de 2018

Ford confirma versão híbrida plug-in do F-150

A Ford confirmou o desenvolvimento de uma versão híbrida plug-in do F-150 há exatamente um ano atrás. Essa nova versão da pick-up faz parte de uma família de novos modelos eletrificados que chegará no início da próxima década e onde haverá inclusive uma versão PHEV do Mustang.


No entanto, os clientes atuais do F-150 não terão que esperar para poder contar com um F-150 PHEV, já que a XL Hybrids, empresa especializada em transformações híbridas para frotas, anunciou sua primeira conversão para o Ford F-150.
Este não é o primeiro produto da XL Hybrids para uma pick-up, que curiosamente já conta em seu catálogo com conversões similares para outros modelos da Ford, como a linha das pick-ups Heavy Duty, assim como vários modelos da Chevrolet e da GMC. Entretanto, embora o F-150 seja o modelo mais vendido em seu mercado, ainda não contava uma conversão desse tipo para a popular pick-up.

Está disponível em forma de kit (não é montado pela empresa) e sua instalação não só é muito simples, como não interfere na garantia oficial do fabricante. Além disso, a XL Hybrids oferece 3 anos ou 75.000 milhas de garantia para o seu sistema. Este novo kit está disponível para qualquer versão de carroceria do Ford F-150, independente do tipo de cabine ou tamanho da caçamba traseira, mas somente poderá ser instalado em versões equipadas com os motores a gasolina de 2.7 litros Ecoboost e de 3.3 litros.

Em ambos os casos o sistema é idêntico. É equipado com um motor elétrico que se acopla ao eixo de transmissão, por isso que pode ser instalado em versões 4x4 ou 4x2, além de baterias de 15 kWh e um sistema de regeneração de energia nas frenagens. A empresa não revelou por enquanto o aumento de potência e a capacidade das baterias para mover o veículo em modo elétrico puro, mas confirmou que a economia de combustível é de 50% em relação às versões mecânicas originais.

VerdeSobreRodas, o ponto de encontro com a mobilidade sustentável

PostagemFord confirma versão híbrida plug-in do F-150

Publicado no Verdesobrerodas



Por PlanetCarsz conteúdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário