Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos ; * lido por mais de DEZ países, * mais de DEZ MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

quarta-feira, 10 de janeiro de 2018

Fisker apresenta elétrico EMotion

A fabricante americana Fisker apresentou nesta terça-feira (9) na feira de tecnologia CES, em Las Vegas, um novo veículo elétrico, chamado EMotion. O sedã deve começar a ser produzido no ano que vem, e promete ser um rival direto de outro carro elétrico americano, o Tesla Model S. 

Segundo a Fisker, o EMotion terá "múltiplos motores elétricos", capazes de fornecer autonomia de mais de 640 km com uma única carga. 
A potência combinada dos motores é de aproximadamente 780 cavalos. A tração será integral. Ainda de acordo com os dados da fabricante, o sedã acelera de 0 a 100 km/h em menos de 3 segundos, e atinge quase 260 km/h de velocidade máxima. 

O visual do EMotion é um tanto futurista. A começar pelas portas, que abrem para cima, mas cada uma vai para um lado. Quando todas estão abertas, lembram uma borboleta - e exatamente por isso são chamadas de "portas borboleta". 

A queda do teto lembra um cupê, enquanto as rodas de série são de 24 polegadas - maiores do que as de uma picape como a RAM 2500. Já o interior tem couro em boa parte das áreas onde há toque. O quadro de instrumentos é digital, e não há botões no console central. 


Além de ser elétrico, o EMotion também é autônomo. A Fisker não deu maiores detalhes sobre suas capacidades, mas a empresa afirma que, por meio de sensores e câmeras, o modelo pode ser guiado sem o auxílio do motorista desde situações de trânsito pesado até em faixas expressas. 
O EMotion é um pouco maior do que o Tesla Model S. São 5,09 metros de comprimento (contra 4,98 m do Model S) e 3,02 m de entre-eixos (o Model S tem 2,96 m). 

Segundo a Fisker, o preço base do modelo será US$ 129 mil (R$ 419 mil, na conversão direta desta terça-feira), e as reservas já foram abertas. Como comparação, um Model S, na versão topo de linha P100D, parte de US$ 135 mil (R$ 438 mil). O EMotion não é a primeira tentativa da Fisker de brilhar neste segmento. Nos anos 2000, a empresa lançou o híbrido Karma. No entanto, o veículo nunca chegou a ser um sucesso nas vendas. 

Agora, com o EMotion, as esperanças da Fisker, e de seu fundador, Henrik Fisker, se renovam.

VerdeSobreRodas, o ponto de encontro com a mobilidade sustentável

PostagemFisker apresenta elétrico EMotion

Publicado no Verdesobrerodas



Por g1 conteúdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário