Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos ; * lido por mais de DEZ países, * mais de DEZ MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

sexta-feira, 22 de dezembro de 2017

Volvo estreou híbrido XC90 com novidades

Faltando alguns dias para a virada do ano, a Volvo estreou a linha do maior SUV da gama, o XC90. Para a linha 2018, o modelo ganhou novos itens de segurança e a versão T8 híbrida agora oferece sete lugares, como o restante da linha.

Tradição em veículos da marca sueca, o XC90 ficou ainda mais seguro com dois novos recursos de série em todas as versões. O primeiro, chamado BLIS, é um sistema de alerta de ponto cego com assistente de direção e alerta de colisão traseira.

O BLIS avisa o motorista sobre a presença de veículos no ponto cego. Assim, se o condutor não tiver nenhuma ação e começar a jogar o carro para cima do veículo, o sistema esterça o volante suavemente de volta para a própria faixa.

O Oncoming Lane Mitigation é o segundo novo recurso para o modelo. Ele tem a função de ajudar o motorista a evitar colisões com veículos que se aproximem em direção oposta através de sinais sonoros. Os dois sistemas atuam entre velocidades de 60 km/h e 140 km/h.

Disponível apenas com cinco lugares desde o lançamento no Brasil, o XC90 T8 híbrido ganhou mais uma fileira de assentos e poderá levar até sete ocupantes, como todo o restante da família. A ausência da opção maior era causado porque a lei brasileira não dava a redução de imposto a híbridos que levam mais de cinco passageiros.


A tela central de 9 polegadas ganhou um novo layout e as versões Momentum e Inscription ganharam um novo revestimento de couro marrom e três opções de cores: Maple Brown (marrom), Denin Blue (azul) e Pine Grey (cinza).

No Brasil, o modelo é vendido com três opções de motorizações e versões. A primeira é o D5, a diesel, que gera 235 cv e 48,9 mkgf e está disponível para as versões Momentum e Inscription. Em seguida, o T6, movido a gasolina e com 320 cv de potência e 40,8 mkgf de torque. Esta opção de motor é oferecida nas mesmas versões do D5. A topo de linha T8, é movida pelo mesmo 2.0 a gasolina de 340 cv e um motor elétrico de 87 cv – somando 407 cv. A opção híbrida do utilitário sueco é oferecida nas versões Inscription e a exclusiva Excellence. 

O XC90 emplacou 461 unidades no acumulado de janeiro a outubro. Lançada em março, a versão T8, topo de linha do utilitário, teve 110 unidades vendidas neste período. 
 
VerdeSobreRodas, o ponto de encontro com a mobilidade sustentável

PostagemVolvo estreou híbrido XC90 com novidades

Publicado no Verdesobrerodas



Por Quatro Rodas conteúdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário