Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos ; * lido por mais de DEZ países, * mais de DEZ MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

domingo, 31 de dezembro de 2017

São Bernardo tem incentivo para aquisição de veículos híbridos

São Bernardo é a primeira cidade do Grande ABC a adotar incentivos para aquisição de carros híbridos – que utilizam energia elétrica, hidrogênio ou que combinem outras tecnologias consideradas limpas.

O projeto de lei foi aprovado na Câmara em abril e sancionado em dezembro pelo prefeito Orlando Morando (PSDB). A iniciativa prevê a devolução de 25% do IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores) para quem licenciar no município carros impulsionados por energia elétrica, até o valor de R$ 170 mil.

O desconto é válido por até cinco anos. Fazem parte da iniciativa também os automóveis movidos a hidrogênio e híbridos (que funcionam com motores elétricos e a combustão). A intenção do Executivo é estimular a adoção de medidas sustentáveis e relacionadas à preservação do meio ambiente.

O chefe do Executivo afirmou que a medida faz parte de esforços para redução dos níveis de poluição no município. “É uma política ambiental adequada que incentiva o uso de veículos menos poluentes. Além disso, estou numa cidade ‘automobilística’ e acaba sendo uma forma de incentivar a produção desse tipo de automóvel aqui”, explicou o prefeito.

Na visão do presidente da Abravei (Associação Brasileira dos Proprietários de Veículos Elétricos Inovadores), Edgar Escobar, o incentivo é importante, mas pode ser ampliado na esfera federal. “O que auxiliaria seria a queda de IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados). Quando veio o primeiro carro elétrico, o BMW i3, em meados de 2014, ele custava R$ 234 mil, com taxa de 33% de IPI, superior aos 25% cobrados de carros que poluem. O Ministério da Fazenda, infelizmente, resiste a abrir mão desse tipo de receita”, constatou. 

VerdeSobreRodas, o ponto de encontro com a mobilidade sustentável

PostagemSão Bernardo tem incentivo para aquisição de veículos híbridos

Publicado no Verdesobrerodas



Por Diário do Grande ABC conteúdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário