Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos ; * lido por mais de DEZ países, * mais de DEZ MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

quinta-feira, 28 de dezembro de 2017

Elon Musk anuncia lançamento de picape elétrica

Elon Musk confirmou nas redes sociais que realmente a Tesla lançará uma picape elétrica no mercado americano. 

O novo produto surgirá após a chegada do crossover Model Y, que deve fechar o quarteto principal da marca. Este último será menor que o Model X atual e deve acelerar ainda mais as vendas da marca.

No entanto, Elon Musk está de olho em outro mercado, o de picapes. Embora o segmento esteja longe de entrar de cabeça no mercado de veículos elétricos, o chefe da Tesla pensa o contrário, já que dispõe agora da tecnologia necessária para fazer uma picape capaz de oferecer performance e eficiência energética. No último caso, algo difícil de se ver em veículos dessa categoria nos EUA, pois quase a totalidade utiliza motores grandes movidos por gasolina.

Anualmente, o mercado americano consome 2,7 milhões de picapes. Com a gasolina barata, esse número tende até a crescer com a oferta de novos modelos no segmento. Mas, Musk acredita que um modelo 100% elétrico pode mudar as coisas radicalmente, ainda mais quando alguém com sua fama e uma marca agora admirada por muitos no país, estão por trás.

Para termos uma ideia, o caminhão Classe 8 Tesla Semi já tem mais de 1,2 mil pedidos, sendo que grandes marcas e transportadoras de renome encomendaram dúzias ou até centena deles. Diferente das picapes, o segmento de caminhões é puramente comercial e cada dólar poupado é importante para os operadores. Sem qualquer experiência na área, Musk entrou de cabeça e convenceu até alguns tradicionalistas.

Mas e a picape? Musk deu uma invertida na cabeça dos fãs quando anunciou o Tesla Semi e na sequência o hiperesportivo Roadster 2020. Uma imagem mostrada no telão revelada um veículo enorme, quase parecendo um militar, com rodas bem grandes e uma caçamba tão grande que praticamente cabia uma Ford F-150, como mostrado na foto. A cabine era inspirada no Tesla Semi. Porém, dificilmente algo assim venderia no mercado americano, mesmo que seja da marca californiana.

Uma das funções da picape no mercado americano, além do trabalho propriamente dito, é satisfazer um estilo de vida bem típico do americano. O lazer é parte indivisível dessa categoria nos EUA e a Tesla deve aproveitar bem isso em seu modelo. Assim, algo como visto na apresentação de Elon Musk não faria o menor sentido, mas isso numa primeira impressão.

O que se pode esperar é um veículo do porte da F-150, mas após vermos o Tesla Semi com suas baterias de lítio integradas ao chassi de longarinas, não podemos descartar uma picape bem tradicional com a mesma arquitetura das médias e grandes atuais, pois atenderia também os conservadores, que não gostam de produtos como a Honda Ridgeline, feita em monobloco. Com essa ideia em mente, parece que o conceito indica algo nesse caminho.

VerdeSobreRodas, o ponto de encontro com a mobilidade sustentável

PostagemElon Musk anuncia lançamento de picape elétrica

Publicado no Verdesobrerodas



Por Noticias Automotivas conteúdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário