Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos ; * lido por mais de DEZ países, * mais de DEZ MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

sexta-feira, 24 de novembro de 2017

Renault apresenta mild hybrid

É o primeiro Renault que junta um motor elétrico a um motor de combustão. Uma solução do tipo mild hybrid que permite, segundo a Renault, aumentar o desempenho e diminuir o consumo. 

O novo Renault Grand Scénic Hybrid Assist, um monovolume de sete lugares, não é um daqueles híbridos capazes de circular durante vários quilômetros usando apenas o motor elétrico.
Nem, muito menos, é do tipo plug-in, o que significa que a bateria pode ser carregada a partir de uma fonte de eletricidade externa. Trata-se sim de um mil hybrid, uma arquitetura onde uma bateria e um motor elétrico de capacidades modestas são usados para complementar o motor de combustão, neste caso um Diesel de 110 cavalos, e para recuperar energia nas desacelerações.

De acordo com a informação da Renault, o Grand Scénic Hybrid Assist consegue ter consumos até 10% mais reduzidos que a versão tradicional com o mesmo motor de combustão (dCI 110) e um acréscimo de binário extra de 15 Nm (total de 275 Nm). 

Relativamente Grand Scénic dCI 110, o consumo médio indicado baixa de 4 para 3,6 l/100 km e as emissões de 105 para 84 gramas por quilometro.

Segundo o mesmo comunicado da Renault, o Grand Scénic Hybrid Assist tem o preço mais acessível em toda a gama: €34900. Um valor para o nível de equipamento Intens, o único disponível para esta versão, que inclui o sistema R-Link 2 com ecrã tátil de 8,7 polegadas e funcionalidades como navegação 3D, telefone e acesso ao e-mail.

VerdeSobreRodas, o ponto de encontro com a mobilidade sustentável

PostagemRenault apresenta mild hybrid

Publicado no Verdesobrerodas



Por Exame Informática conteúdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário