Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos ; * lido por mais de DEZ países, * mais de DEZ MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

sexta-feira, 13 de outubro de 2017

Marselha terá ônibus elétrico da Volvo

A cidade de Marselha, na França, está iniciando um projeto piloto com um ônibus elétrico híbrido da Volvo.  O piloto terá duração de quatro semanas e será conduzido pela RTM (Régie des Transports Metropolitains).

A cidade é a primeira do país a testar o ônibus elétrico híbrido da Volvo, com o conceito de recarga rápida da bateria do motor elétrico nos pontos de embarque e desembarque e o uso de biocombustível (HVO). Os testes estão sendo realizados em uma operação real, na linha 82 em frente ao Museu Etnográfico “Le MUCEM”, em parceria com a Volvo e a ABB.

O Volvo Elétrico Híbrido opera silenciosamente e livre de emissões, no modo 100% elétrico, por cerca de 8 km. A bateria do motor elétrico é abastecida nas estações de recarga rápida, instaladas nos pontos finais dos ônibus em cooperação com a ABB, levando de 3 a 6 minutos. O sistema é baseado na interface de carga aberta OppCharge.

Em comparação com um ônibus diesel convencional equivalente, o Volvo Elétrico Híbrido consome 60% menos energia. O motor a diesel do veículo é abastecido com o biocombustível renovável HVO (óleo vegetal hidrogenado), reduzindo drasticamente as emissões quando o ônibus opera no modo híbrido, com os motores elétrico e a diesel operando de forma paralela.

Recentemente, a Volvo vendeu 90 ônibus elétrico híbridos para a Bélgica. A empresa também tem pedidos dos Luxemburgo, Alemanha e Suécia. No total, a Volvo já vendeu mais 3.600 de ônibus eletrificados em todo mundo.

VerdeSobreRodas, o ponto de encontro com a mobilidade sustentável

PostagemMarselha terá ônibus elétrico da Volvo

Publicado no Verdesobrerodas



Por Via Trolebus conteúdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário