Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos ; * lido por mais de DEZ países, * mais de DEZ MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

segunda-feira, 4 de setembro de 2017

Novo modelo elétrico Renault por 8.500 euros na China

No final do ano passado, a Renault confirmou a chegada de um novo modelo elétrico de acesso, que chegará ao mercado para impulsionar ainda mais sua divisão de veículos elétricos. Sem dúvidas a aliança Renault-Nissan está muito avançada nesse campo, com vários modelos no mercado como os Renault Zoe, Renault Kangoo EV e Nissan LEAF.

Na época, a marca francesa não havia detalhado quais seriam os planos específicos para esse novo modelo, que poderia ser o elétrico de baixo custo anunciado para China, com um preço por volta de 8.500 euros, ou um novo modelo de acesso para o mercado europeu.

No entanto, esta semana Vincent Tourette, diretor da Renault para o Reino Unido, confirmou ao pessoal da Autocar que estão avaliando a possibilidade de lançar um Twingo 100% elétrico. Lembrando que a geração atual do Renault Twingo foi concebida para poder acomodar um sistema de propulsão elétrico.

O Renault Twingo elétrico poderá chegar ao mercado junto com sua atualização de meio ciclo de vida no próximo ano. Tecnicamente o modelo francês poderá utilizar o sistema de propulsão utilizado pelo seu primo-irmão, o Smart ForFour, que utiliza um motor elétrico de 60 kW (81 cv) de potência, com um torque máximo de 160 Nm, em combinação com baterias de íons de lítio de 17,6 kWh, e uma autonomia homologada de 155 quilômetros com uma velocidade máxima de 130 km/h.

Ou talvez essa nova etapa faça parte de uma ofensiva elétrica global da aliança Renault-Nissan, que contemple não só a chegada do Renault Twingo elétrico, mas também um impulso à nova aliança que o grupo francês acaba de estabelecer com a Dongfeng para a fabricação e comercialização de veículos elétricos de baixo custo destinados ao mercado chinês, que contempla a produção de um Renault Kwid elétrico na China.

VerdeSobreRodas, o ponto de encontro com a mobilidade sustentável

PostagemNovo modelo elétrico Renault por 8.500 euros na China

Publicado no Verdesobrerodas



Por PlanetCarsz conteúdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário