Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos ; * lido por mais de DEZ países, * mais de DEZ MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

quarta-feira, 26 de julho de 2017

Itaipu inaugura mais um eletroposto de Compartilhamento Inteligente

O Sistema de Compartilhamento Inteligente (SCI) de veículos elétricos ganhou mais um posto na manhã desta segunda-feira (24) – desta vez, na Divisão de Transportes (SGST.AD), com vagas para quatro VEs do modelo Twizy. Com ele, somam-se agora quatro postos de compartilhamento em toda a Itaipu. Até o fim do ano, o objetivo é dobrar este número, cobrindo, assim, toda a área da Central Hidrelétrica.


“Nosso objetivo é, até o final do ano, chegar a entre 250 e 300 usuários do sistema”, projeta Eduardo Fontes Silveira, da Assessoria de Mobilidade Elétrica (AM.GB), que ministrou um curso para 12 novos usuários do SCI, nesta segunda-feira. Atualmente, conta Eduardo, 160 pessoas já fizeram o cadastro no aplicativo Mob-i e já estão aptas a usar o sistema de compartilhamento.

Atualmente, são quatro postos de compartilhamento: Transportes, Edifício da Produção, Central de Cadastramento e Escritório Central. Até o fim do ano, será reativado o posto do PTI e serão criados postos no Almoxarifado, na Coordenação e no Treinamento. O número de Twizys vai aumentar dos atuais 11 veículos para 15.

Desde que foi lançado, em dezembro de 2016, os dez Twizys compartilhados já rodaram 7.633 km dentro da empresa. Neste período, eles foram usados em 863 ocasiões, com média de uso de uma a duas horas por saída. A maior parte dos trajetos de uso une a Barreira de Controle ao Edifício de Produção.

Para Eduardo, o SCI ajuda a criar uma cultura de compartilhamento já bastante difundida na sociedade, como nos aplicativos Uber e Spotify em que a pessoa paga pelo uso e não pelo produto em si. De acordo com ele, no caso da Itaipu, esta cultura gera uma grande economia de manutenção da frota da empresa.

Os funcionário de Itaipu podem se inscrever para utilizar os veículos à trabalho. Com a autorização das áreas responsáveis, o candidato será convidado a participar de um curso de formação, que abordará os seguintes módulos: programa Mob-i e o software Mobi.me; condução do veículo e responsabilidades do condutor; carregamento do veículo; regras gerais de utilização de veículo; e utilização do aplicativo Mob-i.
 
Após o treinamento, o interessado receberá login e senha para acessar o Mob-i e começar a utilizar o serviço. O aplicativo está disponível para download a partir desta quinta-feira na Google Play (sistema Android) e até o final da próxima semana na Apple Store (IOS).

O app dará ao usuário acesso a um mapa com a localização dos veículos cadastrados, quais estão disponíveis para reserva e as estações de carregamentos. Também será possível checar o nível de carga da bateria dos veículos disponíveis e simular rotas.

O aplicativo ainda terá dados de eficiência, quilometragem, histórico de transações e indicadores de sustentabilidade (como a quantidade de CO2 de deixou de lançar na atmosfera ao utilizar um veículo elétrico).

VerdeSobreRodas, o ponto de encontro com a mobilidade sustentável

PostagemItaipu inaugura mais um eletroposto de Compartilhamento Inteligente

Publicado no Verdesobrerodas



Por Rádio Cultura Foz conteúdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário