Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos ; * lido por mais de DEZ países, * mais de DEZ MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

sexta-feira, 9 de junho de 2017

SEAT já tem elétrico licenciado

Se você estiver pela Espanha e cruzar com um SEAT Mii cujo motor não emite nenhum ruído, trata-se do futuro e-Mii. 

Embora não chegue aos concessionários até o ano de 2019, já foram licenciadas as primeiras unidades do SEAT e-Mii. Durante o último World Mobile Congress 2017 realizado em Barcelona, o pessoal da marca espanhola confirmou que o SEAT Mii receberá uma versão de mecânica 100% elétrica.

O primeiro modelo elétrico a bateria da SEAT está mais perto de ser uma realidade. Muitos esperavam que a primeira aposta da marca pela mobilidade sustentável fosse mais ambiciosa, mas pelo menos é um primeiro passo e certamente logo surgirão as primeiras imagens do protótipo do SEAT e-Mii. No entanto, e embora essas duas unidades licenciadas pela marca sejam utilizadas em questões relacionadas com seu desenvolvimento, a verdade é que já se sabe qual a mecânica que propulsionará o pequeno modelo elétrico espanhol. O novo SEAT e-Mii terá uma estreita relação com seu primo alemão, o Volkswagen e-up!. 

Assim como ocorre com o modelo da Volkswagen, o e-Mii será oferecido somente com a carroceria de cinco portas. Portanto, ao compartilhar tecnologia e mecânica, é possível adiantar os números que contará o modelo elétrico da SEAT. 

Debaixo do capô do SEAT e-Mii deverá surgir um motor elétrico de 60 kW (82 cv) e 210 Nm de torque máximo. Com essa mecânica será capaz de acelerar de 0 a 100 km/h em 13 segundos e alcançar uma velocidade máxima de 130 km/h. Sua bateria de íons de lítio com uma capacidade de 18,7 kWh oferecerá uma autonomia de 160 quilômetros (no ciclo NEDC) com uma só carga. No entanto, em condições reais esse número ficará abaixo dos 140 quilômetros.

Nada mal para um veículo cujo enfoque será puramente urbano. O consumo médio se situará em torno dos 11,70 kWh a cada 100 quilômetros percorridos. Por enquanto se desconhece o preço que terá, mas há pouco tempo, Luca De Meo, CEO da SEAT, comentou que rondará os 20.000 euros. Um número que em princípio criará uma enorme distância em relação ao SEAT Mii mais caro que seja possível configurar.

Após o lançamento do SEAT e-Mii o fabricante espanhol colocará mãos à obra para projetar e desenvolver um carro elétrico totalmente novo. Os novos modelos elétricos e híbridos que serão comercializados pela SEAT utilizarão as plataformas atuais do grupo VW.

VerdeSobreRodas, o ponto de encontro com a mobilidade sustentável

PostagemSEAT já tem elétrico licenciado

Publicado no Verdesobrerodas



Por PlanetCarsz conteúdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário