Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos ; * lido por mais de DEZ países, * mais de DEZ MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

sábado, 17 de junho de 2017

Elétrico Koenigsegg teve produção vendida antecipadamente

Embora por enquanto não tenha sido entregue nenhum exemplar, o pequeno fabricante sueco Koenigsegg anunciou que já foi vendida toda a produção do Regera, o primeiro esportivo híbrido da empresa de Christian von Koenigsegg e do qual serão montados somente 80 unidades.

A versão de produção do Regera foi apresentada no Salão de Genebra 2016, um ano depois da apresentação do modelo conceitual, revelado no mesmo evento suíço.
Em Genebra foi revelada a maioria das especificações do selvagem esportivo híbrido, mas não o seu preço. 

Hoje sabemos que cada uma das 80 unidades foi vendida a um preço próximo de 1.9 milhões de dólares, assim, a Koenigsegg garantiu um volume de negócio por volta dos 152 milhões de dólares. Isso contando que todos os clientes tenham solicitado seus veículos com as especificações básicas do modelo, o que parece muito pouco provável.

O Regera não só é o primeiro híbrido da marca, como será o único em sua espécie, já que quando chegar ao mercado não terá nenhum concorrente similar no mercado, pois pela sua configuração mecânica não contará com uma transmissão convencional.

Desde a sua apresentação, Koenigsegg revelou que o novo esportivo não contaria com uma transmissão convencional. Seu peculiar sistema KDD (Koenigsegg Direct Drive) conecta o motor diretamente às rodas traseiras, embora apoiado por três motores elétricos, que suprem com seu movimento a necessidade de uma caixa de engrenagens tradicional, além de serem utilizados para a função de vetorização do torque.
O supercarro sueco é equipado com um motor V8 5.0 biturbo com 1.100 cv e 1.250 Nm utilizado no One:1, que funciona em conjunto com três motores elétricos alimentados por um conjunto de baterias com 9.27 kWh (620 volts) de potência e 115 kg, arrefecido a líquido, responsáveis por 700 cv e 900 Nm adicionais. A força descendente é de 450 kg a 250 km/h, contando com o auxílio de uma asa traseira operada hidraulicamente.
Portanto, o desempenho do Regera é estratosférico. Com um peso vazio de 1.420 quilos e de 1.590 quilos em ordem de marcha (com todos seus fluídos e tanque de combustível cheio) é capaz de acelerar de 0 a 100 km/h em 2.7 segundos, de 0 a 400 km/h em 20 segundos e sua velocidade máxima atinge os 410 km/h.

VerdeSobreRodas, o ponto de encontro com a mobilidade sustentável

PostagemElétrico Koenigsegg teve produção vendida antecipadamente

Publicado no Verdesobrerodas



Por PlanetCarsz conteúdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário