Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos se somadas as mídias sociais, * mais de MEIO MILHÃO de acessos somente no VSR, * lido por mais de DEZ países, * mais de SETE MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

quinta-feira, 9 de fevereiro de 2017

Renault-Nissan registra vendas acumuladas de quase 425.000 VEs

A Aliança Renault-Nissan registou um importante crescimento em 2016, com 9,96 milhões de automóveis vendidos em todo o mundo, reforçando a liderança nos veículos zero emissões, com vendas acumuladas de quase 425.000 veículos elétricos desde a introdução do Nissan LEAF em 2010.

O volume de vendas da Aliança inclui as vendas da Mitsubishi Motors - que se juntou à Aliança no outono passado quando a Nissan adquiriu uma participação de 34% na empresa - de 934.013 automóveis a nível mundial.
"A convergência do grupo Renault, da Nissan Motor e da Mitsubishi Motors cria uma nova força no setor automóvel", afirmou Carlos Ghosn, presidente Diretor-Geral da Aliança. "A força desta parceria, iniciada há 18 anos, permitiu-nos melhorar a competitividade, acelerar o crescimento e impulsionar a conceção do veículo do futuro".

O ano passado, as marcas da Aliança foram responsáveis por cerca de 1 em cada 9 automóveis vendidos em todo o mundo. As vendas do Grupo Renault cresceram 13,3%, para 3.182.625 veículos, em 2016, o último ano do plano "Drive the Change" - o quarto ano consecutivo de crescimento das vendas, com um aumento recorde de 374.000 unidades num ano.

A Nissan Motor Co. Ltd estabeleceu, também, um recorde com 5.559.902 automóveis de passageiros e comerciais ligeiros vendidos em todo o mundo, o que representa um crescimento de 2,5%. Nos EUA e na China, a empresa registou um aumento de vendas de, respetivamente, 5,4% e 8,4%, estabelecendo novos recordes em ambos os mercados. A Infiniti vendeu mais de 230.00 unidades, a que corresponde um crescimento de 7% em relação ao ano anterior.
  
Liderança nos elétricos
A Aliança Renault-Nissan, incluindo a Mitsubishi Motors, registou, em 2016, vendas acumuladas de 424.797 elétricos, mantendo-se como líder na mobilidade zero emissões.
O Nissan LEAF, o primeiro veículo elétrico comercializado em massa, mantém a posição como o VE mais vendido do mundo, com mais de 250.000 unidades comercializadas desde o lançamento em dezembro de 2010 (já incluindo as vendas do Venucia E30 na China). Além do LEAF, a Nissan também comercializa o e-NV200, um veículo comercial ligeiro vendido, sobretudo, na Europa e no Japão desde 2014.
 
A Renault vendeu, desde 2011, mais de 112.000 veículos elétricos em todo o mundo, incluindo o Renault ZOE, Kangoo Z.E., o SM3 Z.E e o Twizy. No ano passado, a Renault liderou o mercado europeu de elétricos registando um aumento de vendas de 11%, com 25.648 unidades vendidas (excluindo o Twizy). O ZOE liderou o ranking com 21.735 veículos vendidos. A Renault Pro+ anunciou, recentemente, a adição de dois novos veículos comerciais elétricos à gama: o novo Kangoo Z.E. e o Master Z.E. Em 2016, a Aliança Renault-Nissan, incluindo a série i-Miev da Mitsubishi Motors, vendeu 94.265 veículos elétricos, o que corresponde a um crescimento superior a 8% em relação a 2015.

Em 2016, a Aliança Renault-Nissan desenvolveu várias iniciativas para promover o desenvolvimento dos veículos do futuro, que serão elétricos, autônomos e conectados. A Aliança prevê lançar, até 2020, pelo menos, 10 modelos com funcionalidades de condução autônoma. O desenvolvimento e os testes de conectividade e de tecnologias de condução autônoma estão em curso com a colaboração de diversos parceiros, tais como a Microsoft, e a NASA. "Nós fomos os primeiros a anunciar o lançamento de um veículo elétrico acessível em 2010.

 Outros construtores automóveis reconhecem hoje que os veículos elétricos são a melhor solução zero emissões", afirmou Carlos Ghosn. "Com a condução autônoma, e os veículos e serviços conectados, estamos na corrida para conceber o veículo do futuro", concluiu.

VerdeSobreRodas, o ponto de encontro com a mobilidade sustentável

PostagemRenault-Nissan registra vendas acumuladas de quase 425.000 VEs

Publicado no Verdesobrerodas



Por automonitor conteúdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário