Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos se somadas as mídias sociais, * mais de MEIO MILHÃO de acessos somente no VSR, * lido por mais de DEZ países, * mais de SETE MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

sábado, 21 de janeiro de 2017

Salão de Detroit destaca veículos elétricos e híbridos

O Salão de Detroit, o primeiro grande evento automobilístico do ano e que foi aberto ao público no último sábado, mas que concentrou as apresentação para os jornalistas especializados nos dias 9 e 10, começou repleto de novidades, com ênfase especial para veículos elétricos ou híbridos e o surgimento de carros conceito autônomos, como é o caso do Volkswagen I.D.Buzz, um veículo que é uma releitura da velha Kombi, totalmente elétrica, com autonomia de 600 quilômetros e com capacidade de direção autônoma.
O modelo rendeu muitas fotos, mas seu lançamento ainda é incerto.

Para manter a tradição, afinal Detroit é o berço da indústria automobilística norte-americana, estavam presentes - e fazendo enorme sucesso de público - as picapes gigantescas e os jipões, modelos bem ao gosto do consumidor daquele país. É o caso do lançamento da picape Ford F-150 reestilizada, que vem a ser o veículo mais vendido nos Estados Unidos há anos, a reintrodução da Ford Ranger naquele mercado, e do utilitário esportivo Atlas, da Volkswagen, projetado para ser vendido, num primeiro momento, exclusivamente na terra do Tio Sam.
 
Com motor V6 de 280 cv e mais de cinco metros de comprimento, é o típico veículo que o público de Detroit adora.

A promessa de carros não poluentes, principalmente elétricos, começa a ganhar contornos de realidade. Herbert Diess, executivo da Volkswagen, ao apresentar a Kombi futurista, disse que a marca alemã quer vender um milhão de carros elétricos por ano a partir de 2025, tornando o uso da eletricidade a nova marca da Volkswagen.

O executivo lembrou que os carros elétricos serão acessíveis a milhões de consumidores, e não apenas a uns poucos milionários.
Outro destaque no Salão foi o anúncio de que o Chevrolet Bolt, o carro elétrico com o qual a General Motors quer conquistar consumidores, foi eleito o Carro do Ano por jornalistas dos Estados Unidos e Canadá.


 Alguns veículos apresentados em Detroit interessam diretamente ao consumidor brasileiro, pois já estão com o passaporte carimbado para embarcar para o Brasil. É o caso do novo EcoSport, o crossover compacto da Ford, que deverá ser lançado no Brasil ainda no primeiro semestre.

A diferença é que nos Estados Unidos ele foi mostrado sem o estepe externo, pendurado no porta-malas. No Brasil ele manterá a configuração atual. Também foi apresentado no Salão o novo Volkswagen Tiguan, que certamente virá para o Brasil. A novidade é a versão Allspace, com carroceria alongada, e que terá capacidade para transportar sete pessoas. Outro carro que deverá chegar até o mercado nacional, na condição de importado, é o Toyota Camry, que é o carro da marca mais vendido nos Estados Unidos.

VerdeSobreRodas, o ponto de encontro com a mobilidade sustentável

Postagem: Salão de Detroit destaca veículos elétricos e híbridos
Publicado no Verdesobrerodas



Por Jornalcruzeiro conteúdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário