Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos ; * lido por mais de DEZ países, * mais de DEZ MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

terça-feira, 17 de janeiro de 2017

Cidades dos EUA podem comprar 100 mil carros elétricos

Los Angeles, San Francisco, Seattle e Portland, as quatro maiores cidades da costa oeste americana, decidiram se juntar em uma pedido inédito, um lote de 24.000 veículos elétricos. O objetivo é mostrar o poder de compra dos governos locais no mercado de carros elétricos.

As cidades – localizadas nos Estados da Califórnia, Washington e Oregon, respectivamente – estão pedindo aos fabricantes que definam os modelos que podem ser fornecidos, bem como os prazos de entrega e os preços. O movimento também quer incentivar outras cidades americanas e espera a adesão de outros municípios na região, podendo assim elevar o pedido para até 100.000 carros.

Para as cidades, além do poder de compra, o objetivo é reduzir a emissão de poluentes que provoquem o efeito estufa, bem como diminuir a dependência de combustíveis fósseis, melhorar a qualidade do ar e baixar os custos com combustíveis e manutenção. As quatro cidades fazem parte da Mayors National Climate Action Agenda (MNCAA).

Atualmente, a MNCAA possui 55 cidades associadas e as quatro esperam que as demais se juntem no pedido, cuja licitação ainda está sendo elaborada. Espera-se um impacto muito grande no mercado de carros elétricos com esse pedido conjunto, já que o movimento pode inspirar outros municípios dos EUA.

Com o mega pedido, Los Angeles, San Francisco, Seattle e Portland querem tornar os preços dos carros elétricos mais acessíveis, assim como baterias, sistemas de recarga e outros componentes. Já se estuda ampliar os pedidos para outros segmentos, além de sedãs e SUVs, atingindo também caminhões médios e pesados, veículos de entrega, coletores de lixo, ônibus urbano, entre outros.

Dos três estados, a Califórnia é que lidera a corrida do ouro dos carros elétricos, sendo que Los Angeles obriga metade dos sedãs vendidos a serem híbridos pelo menos, além de possuir frotas de carros elétricos no governo local e na polícia. Portland, por exemplo, quer ter 30% da frota de sedãs da cidade substituída por híbridos ou elétricos até 2020.

VerdeSobreRodas, o ponto de encontro com a mobilidade sustentável

PostagemCidades dos EUA podem comprar 100 mil carros elétricos

Publicado no Verdesobrerodas



Por Noticias Automotivas conteúdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário