Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos ; * lido por mais de DEZ países, * mais de DEZ MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

quinta-feira, 12 de janeiro de 2017

BMW Série 5 estreou no Salão de Detroit

Com início de vendas previsto para fevereiro nos Estados Unidos, o novo BMW Série 5 estreou no Salão de Detroit nesta semana. Os primeiros a chegar serão os modelos 530i e 540i, enquanto os mais potentes M550i xDrive, 530e e 530e xDrive iPerformance serão lançados em abril.

Comparado com a geração anterior, o novo Série 5 se destaca pela design mais esportivo. Ao vivo, passa a sensação de ser maior que o rival Classe E. A evolução também é nítida no interior, com vários elementos do irmão maior, o Série 7: a percepção de qualidade é maior, bem como o recheio de recursos de tecnologia.
As opções mecânicas permanecem as mesmas: o 530i fica com o 2.0 turbo de 255 cv, enquanto o 540i ostenta o 3.0 de 6 cilindros e 340 cv. A novidade fica por conta do chamado 530E iPerformance, um híbrido plug-in que entrega 255 cv de potência combinada, aliando o motor de 184 cv a gasolina ao motor elétrico de 70 kW (95 cv). O novato permite ainda até 31 km de condução no modo 100% elétrico.

Cereja do bolo, o M550i traz o motor V8 4.4 biturbo de 468 cv e 66,2 kgfm de torque. Oferecido como opcional, o sistema de escape M Sports dá ao carro uma rosnada bem interessante. O câmbio é automático de 8 marchas e, para desânimo dos entusiastas, não há menção de câmbio manual para essa versão mais brava. Talvez para o futuro M5, quem sabe... A marca garante ainda que a nova caixa realiza trocas mais rápidas. 

Em termos de preços, o imponente BMW M550i xDrive está disponível por US$ 72,1 mil. Na prática, US$ 300 mais barato que o principal rival: o Mercedes-AMG E43. Apenas para efeito de comparação, o E43 AMG tem um 3.0 V6 com 401 cv e 53,0 kgfm. Não é nenhuma surpresa que a "BM" tenha sido mais rápida no 0 a 100 km/h: 3,9 s contra 4,5 s.

A BMW destaca que a nova linha M Performance tem como característica conciliar a ótima dirigibilidade no dia a dia a potência e a um comportamento dinâmico capazes de satisfazer o entusiasta mais exigente. 

VerdeSobreRodas, o ponto de encontro com a mobilidade sustentável

Postagem: BMW Série 5 estreou no Salão de Detroit
Publicado no Verdesobrerodas



Por Motor1 conteúdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário