Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos se somadas as mídias sociais, * mais de MEIO MILHÃO de acessos somente no VSR, * lido por mais de DEZ países, * mais de SETE MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

quinta-feira, 13 de outubro de 2016

Pela primeira vez, um carro autônomo rodou pelas ruas do Reino Unido

Pela primeira vez, um carro autônomo rodou pelas ruas do Reino Unido, nesta terça-feira (11). O compacto de dois lugares, sem motorista e com motor elétrico foi desenvolvido pela Universidade de Oxford, que adaptou um Renault Twizy.

O "carrinho" rodou a 8 km/h em Milton Keynes, uma pequena cidade a 70 km de Londres, na Inglaterra. Ele fez curvas sozinho e parou para pedestres que cruzaram seu caminho.

No painel central, o carro tem um tablet que permite passar do modo autônomo para o manual com apenas um toque. "Se as pessoas puderem ver que esses veículos são capazes de rodar sozinhos, vão ganhar confiança neles", disse Neil Fulton, coordenador do projeto na Transport Systems Catapult, organização bancada pelo governo para desenvolvimento desse tipo de tecnologia.

O programa que comanda o carro foi criado pelo Instituto de Robótica de Oxford, o Oxbotica. A ideia é que, até o ano que vem 40 unidades do veículo autônomo estejam rodando em testes em Milton Keynes.  "Nossa ambição vai além dos carros. É que qualquer coisa com rodas possa ser automatizada", disse Graeme Smith, coordenador da Oxbotica.

"Com certeza estamos pensando em ônibus... e no ambiente off-road, não só asfalto e rodovias."

O Reino Unido também é alvo de projetos de montadoras, como Ford e Jaguar Land Rover, para carros sem motorista.

VerdeSobreRodas, o seu ponto de encontro com a mobilidade sustentável

Postagem: Pela primeira vez, um carro autônomo rodou pelas ruas do Reino Unido

Publicado no Verdesobrerodas

Por g1 conteúdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário