Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos ; * lido por mais de DEZ países, * mais de DEZ MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

sexta-feira, 2 de setembro de 2016

O que as pessoas nos EUA pensam sobre rede de carregamento para VEs?

A infraestrutura energética é a chave para qualquer esforço sério para permitir a introdução em larga escala de VEs. Mas é preciso lembrar que o mundo levou mais de um século construindo infraestrutura (e nunca termina) para tornar a distribuição global eficiente de gasolina e diesel disponível em grande parte do país.

A Green Car Reports fez uma pesquisa no Twitter para saber quando a infraestrutura de abastecimento de hidrogênio estaria difundida nos EUA. 
62% responderam que "Nunca", indicando o ceticismo geral sobre veículos movidos a célula de combustível de hidrogênio, pelo menos, entre os leitores que seguem a GCR no Twitter.

Então, foi perguntado, com o mesmo conjunto de opções, sobre a rede de estações de carregamento rápido tipo DC para VEs a fim de permitir viagens de longa distância. Quase metade dos entrevistados (48%) esperam que a rede de carregamento rápido DC esteja disponível em 10 anos, portanto, em 2025. O restante ficou dividido em duas partes iguais (23% cada) entre mais cedo (2020) e mais tarde (2030 ou depois). Apenas 6% acham que nunca haverá uma rede DC difundida no país.
 
Naturalmente, os resultados não são, estatisticamente, válidos devido a uma variedade de razões. Mas, foi interessante verificar que há uma crença predominante de que será muito mais fácil (e mais barato) construir uma rede de carregamento rápido em todo o país para os carros elétricos do que construir uma rede de estações de abastecimento de hidrogênio que cobre o mesmo número de veículos de emissão zero.



Parte disso é, sem dúvida, isso comprovado por uma empresa que já realizou tal feito. A rede Supercharger Tesla Motors, agora operando em até 145 kilowatts, mostra que é factível criar uma rede de estações de carregamento rápido para carros elétricos em menos de cinco anos.
A rede Tesla cobre a maioria das viagens da América do Norte, e a empresa continua a abrir novas estações e adicionar rotas à sua lista. O desafio para empresas norte americanas e alemães que utilizam Padrão Combinado de Carregamento rápido (CCS) DC de carregamento rápido, também, está caminhando em direção a 150 kw.

BMW i3, VW eGolf usam carregamento rápido CCS DC . Os modelos Tesla utilizam Supercharger.

VerdeSobreRodas, o seu ponto de encontro com a mobilidade sustentável

Postagem: O que as pessoas nos EUA pensam sobre rede de carregamento para VEs?
Publicado no Verdesobrerodas



Por Greencarreports conteúdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário