Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos ; * lido por mais de DEZ países, * mais de DEZ MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

domingo, 25 de setembro de 2016

Montadoras buscam veículos adequados às cidades européias

As grandes cidades mundiais como Paris, Londres, Berlin ou Madrid, entre tantas outras, contam com um volume de tráfego tão grande que transitar por elas de carro se torna cada dia mais difícil. 

As grandes marcas de automóveis estão conscientes disso e estão cada vez mais preocupadas com a mobilidade sustentável nas cidades e vêm criando protótipos de veículos aptos para circular pelas ruas destas cidades.

No entanto, não só as grandes marcas estão envolvidas em melhorar a circulação nas cidades. Neste caso falamos da Spiri e o seu Prototype. Essa empresa dinamarquesa criou um pequeno veículo elétrico com capacidade para até quatro ocupantes. Esse carro foi projetado para mover-se na cidade como um peixe na água, sem emitir um só grama de CO2 na atmosfera. Além disso, seu funcionamento será baseado na filosofia de ‘utilização sob demanda’.

Para projetar o Prototype, a Spiri contou com uma equipe de engenheiros provenientes de outras marcas como Aston Martin e Tesla. Essa equipe criou um veículo que segundo a marca, se adapta perfeitamente às necessidades de mobilidade dos habitantes das grandes cidades. Esse modelo ainda se encontra em fase conceitual já que precisa ajustar as características do carro aos diferentes usos poderão lhe dar os condutores que o utilizarão.
Além desses ensaios, a Spiri ainda precisa realizar mais testes de utilização. Nesse caso terá que ajustar o seu sistema de carro compartilhado sob demanda. 

A apresentação oficial desse sistema aconteceu no final do último mês de agosto, entretanto, ainda terão que ajustá-lo às necessidades de cada cidade, além de verificar a autonomia elétrica dos veículos que circularem por elas. Dessa forma, os carros estarão sempre prontos para atender as necessidades do cliente, não havendo interrupção do serviço.

O projeto do carro é baseado no conceito de funcionalidade levado ao extremo máximo. Segundo Stefan Holm Nielsen, CEO da Spiri, na intenção de criar um veículo econômico de se adquirir e se manter, foram realizadas mudanças importantes. Exteriormente não contará com pintura protetora, já que tanto o chassi como as partes externas serão fabricadas em fibra de carbono.

Para terminar, de acordo com a Spiri, o início desse sistema de mobilidade compartilhada poderá acontecer já em 2017 e poderá ser realizado em qualquer uma das principais cidades do Reino Unido, Alemanha, Dinamarca, Noruega e Suécia.

VerdeSobreRodas, o seu ponto de encontro com a mobilidade sustentável

Postagem: Montadoras buscam veículos adequados às cidades européias

Publicado no Verdesobrerodas

Por PlanetCarsz  conteúdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário