Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos ; * lido por mais de DEZ países, * mais de DEZ MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

sexta-feira, 5 de agosto de 2016

Nissan quer estabelecer uma rede inteligente de mobilidade 100% elétrica

O veículo elétrico de alta performance Nissan BladeGlider passa de mero concept-espetáculo para exposição em salões automóveis a protótipo operacional com honras de apresentação no Rio de Janeiro - um exemplar estará em exibição na Aldeia Olímpica e outro servirá para testes.
Revelado ao mundo, em 2013, durante o Salão de Tóquio, o concept do BladeGlider permitiu descobrir uma parte da visão que a Nissan tinha para o futuro da mobilidade de alta performance 100% elétrica. 

Agora, após um desenvolvimento conducente, o BladeGlider é o primeiro protótipo a ilustrar na perfeição a Intelligent Mobility da marca.

O objetivo: estabelecer uma rede inteligente de mobilidade 100% elétrica, conectada e sustentável. "Este protótipo incorpora a vontade da Nissan em desenvolver a sua visão num futuro 100% elétrico: a Intelligent Mobility. E o BladeGlider é o excelente primeiro passo para alcançarmos esse futuro", afirmou Carlos Ghosn, Presidente e CEO da Nissan.

O BladeGlider tornou-se assim num protótipo operacional com chassis sofisticado e arquitetura inovadora que permitem uma manobrabilidade, estabilidade e eficiência aerodinâmica bastante boa. Com portas em estilo borboleta que se abrem para trás e um teto de abrir, o BladeGlider permite aos passageiros uma visão panorâmica mercê o para-brisas em bolha que se estende a toda a sua largura. Para melhorar a eficiência aerodinâmica, a Nissan deixou de lado os espelhos tradicionais e apostou em câmaras de filmar integradas ao nível das rodas dianteiras.

A motorização 100% elétrica - que conta com bateria de iões de lítio de 220 kW de cinco módulos - foi desenvolvida em parceria com a Williams Advanced Engineering (WAE) com as rodas traseiras a serem movidas por dois motores elétricos de 130 kW. Para ir dos 0 aos 100 km/h bastam menos de cinco segundos e a velocidade máxima chega aos 190 km/h.

O protótipo também conta com Sistema de Vetorização Dinâmico já presente no Nissan Juke (All-Mode 4x4-i) que controla o binário para melhorar o comportamento em curva.
O interior, em Cyber Green e Stealth Orange, tem acabamentos em prata e os assentos são revestidos por uma mistura de tecido e resina e atravessados por uma faixa verde e laranja.

VerdeSobreRodas, o seu ponto de encontro com a mobilidade sustentável

Postagem: Nissan quer estabelecer uma rede inteligente de mobilidade 100% elétrica

Publicado no Verdesobrerodas

Por automonitor conteúdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário