Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos ; * lido por mais de DEZ países, * mais de DEZ MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

sexta-feira, 15 de julho de 2016

15% mais em conta VEs vendem mais do que modelos a gasolina

A chegada de novos modelos de veículos eletrificados com mais autonomia com uma única carga, está sendo considerada por alguns analistas como a segunda geração em veículos elétricos.

As vendas de carros eletrificados, na América do Norte, continuam crescendo apresar dos preços baixos da gasolina no mercado Norte Americano. Um outro fato interessante é que já está havendo oferta de modelos eletrificados no mercado de usados. 
Por exemplo, o plug-in híbrido Toyota Prius usado está vendendo em torno de duas vezes mais rápido do que no ano passado (e de modelos a gasolina, também), segundo informações do website carro iSeeCars.com.

Segundo o iCars, de Janeiro a Maio deste ano, os três modelos de venda mais rápida foram o Toyota Prius híbrido plug-in, o Nissan Leaf e o Tesla Model S. Os EVs estão vendendo em média 10 dias mais rápido do que os carros movidos a gasolina.

A maioria das famílias norte-americanas não podem pagar um carro novo, de acordo com um estudo Bankrate Inc. divulgado na semana passada. O carro novo médio é vendido por US $ 33.865, de acordo com Kelley Blue Book, e um carro novo plug-in custa mais do que isso. Mas os carros usados ​​estão ficando mais baratos.

Até agora, os preços dos veículos elétricos puro usados ​​caiu 15% em relação ao mesmo período do ano passado, e o preço dos usados ​​plug-in híbridos caiu 5%, de acordo com iSeeCars.

VerdeSobreRodas, o seu ponto de encontro com a mobilidade sustentável

Postagem: 15% mais em conta VEs vendem mais do que modelos a gasolina
Publicado no Verdesobrerodas



Por Scientificamerican conteúdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário