Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos ; * lido por mais de DEZ países, * mais de DEZ MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

sábado, 16 de abril de 2016

Uberlândia tesla ônibus com motor elétrico

A empresa do transporte coletivo Viação São Miguel colocou em sua frota, desde a última quarta-feira (13), em caráter de teste, um ônibus híbrido, que integra um motor tradicional, movido a óleo diesel, em conjunto com um motor elétrico. A bateria é dotada da tecnologia frenagem regenerativa, que recarrega automaticamente à medida que o veículo se movimenta e tem os freios utilizados. A empresa vai analisar a economia gerada pelo veículo por aproximadamente 30 dias para decidir se adquire exemplares definitivos para rodar em Uberlândia.

O ônibus funciona com a junção dos dois motores. Quando a condução começa a se locomover, mas com o motor já ligado, o sistema aciona o motor elétrico de forma automática, que funciona até o ônibus atingir, aproximadamente, 30 km/h. Após essa velocidade, a eletricidade dá lugar ao motor movido a óleo diesel.

Para o coordenador de treinamento da empresa, Gustavo Carvalho, esta nova tecnologia, usada, inicialmente, em carros de fórmula 1, traz redução no consumo de combustível em até 35%. “O maior gasto de diesel de um ônibus é quando ele precisa vencer a inércia. 

Esse motor é ideal, também, para o transporte dentro dos terminais”, disse. Atualmente, a empresa gasta 14 mil litros diários de óleo diesel, o que gera uma despesa de, aproximadamente, R$ 1 milhão por mês. Se toda a frota fosse com o ônibus elétrico, a economia mensal chegaria a R$ 350 mil.

Além da atuação isolada dos motores, os dois equipamentos, tradicional e elétrico, podem somar as forças para dar mais dinamismo ao veículo. “Quando o sistema interpreta que só um dos motores é insuficiente, como em uma grande subida, a força do outro é incorporada”, disse Carvalho. Os dois motores, juntos, possuem 375 cavalos de potência.

O novo modelo híbrido de ônibus que está em teste em Uberlândia tem custo estimado de R$ 800 mil, cerca de R$ 500 mil a mais que um ônibus movido pelo sistema tradicional de torque. O veículo foi emprestado pela fábrica montadora à empresa de Uberlândia para estudar a viabilidade de aquisição. “Estamos confiantes que vamos adquirir exemplares pelo seu custo-benefício e pelo conforto dado aos passageiros e motorista”, afirmou Gustavo Carvalho, coordenador de treinamento da empresa de transporte coletivo.

Outros diferenciais da tecnologia são a caixa de câmbio automática de 12 marchas, o ar condicionado, o menor ruído e a redução da emissão de agentes poluidores. O ônibus vai fazer, até meados de maio, a linha T-123, que trafega entre o Terminal Central e a Algar Tech, no bairro Granja Marileusa, zona leste.

VerdeSobreRodas, o seu ponto de encontro com a mobilidade sustentável

Postagem: Uberlândia tesla ônibus com motor elétrico

Publicado no Verdesobrerodas

Origem: CorreiodeUberlândia

Nenhum comentário:

Postar um comentário