Este espaço é reservado a quem acredita na mobilidade sustentável e queira se juntar aos números abaixo:

* mais de UM MILHÃO de acessos ; * lido por mais de DEZ países, * mais de DEZ MIL postagens, * postagens (blog e mídias sociais) durante os 365 dias do ano, * newsletters semanal, * parcerias com eventos no Brasil e exterior. Clique AQUI para saber mais.

quarta-feira, 13 de abril de 2016

China aconselha Alemanha a oferecer incentivos para VEs

O ministro de tecnologia chinês disse aos ministros alemães nesta terça-feira, em Berlim, que eles precisam fornecer incentivos aos motoristas se quiserem cumprir as metas ambiciosas de penetração de carros elétricos.

O apoio financeiro direto da China para a compra de veículos elétricos particulares e comerciais, introduzidas a partir de 2012, ajudou a acelerar as vendas, disse Wan. "Os incentivos são muito importantes para a investigação e desenvolvimento, além de aumentar as vendas rapidamente", disse Wan executivos da indústria automobilística em um discurso na terça-feira em Berlim.
As vendas de bateria para veículo elétricos e híbrido plug-in mais do que triplicaram desde 2014 para cerca de 330.000, de acordo com a Associação Chinesa de Fabricantes de Automóveis. A chanceler Angela Merkel em 2011 se comprometeu a colocar um milhão de híbridos plug-ins e bateria na estrada até 2020 mas as vendas continuam a ser uma pequena fração das vendas totais de veículos na Alemanha.

Cerca de 130.000 híbridos e 25.000 carros totalmente elétricos foram registrados nas estradas alemãs até janeiro de 2016, em comparação com 30 milhões de carros a gasolina e 14,5 milhões de motores diesel, de acordo com a KBA. A proposta social-democratas da Alemanha para dar aos compradores de carros elétricos um bônus em dinheiro de 5.000 euros ($ 5,700), até agora, ganhou pouca atenção das autoridades.

VerdeSobreRodas, o seu ponto de encontro com a mobilidade sustentável

Postagem: China aconselha Alemanha a oferecer incentivos para VEs
Publicado no Verdesobrerodas



Origem: Bloomberg

Nenhum comentário:

Postar um comentário